Stephen Thompson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Stephen Thompson (lutador))
Ir para: navegação, pesquisa
Stephen Thompson
Wonderboyst.png
Informações
Nome
completo
Stephen Randall Thompson
Nascimento 11 de fevereiro de 1983 (33 anos)
Estados Unidos Simpsonville, South Carolina
Nacionalidade Americano
Outros nomes Wonderboy
Altura 1.83 m
Peso 77 kg
Divisão Peso Meio Médio
Envergadura 191 cm
Modalidade Kickboxing americano, Kenpō
Luta por Simpsonville, South Carolina, EUA
Equipe Pitch Black MMA
Upstate Karate
Treinador Ray Thompson
Carlos Machado
Graduação      Faixa Preta em Kenpō Karate 5 dan
     Faixa Preta em Kickboxing americano
     Faixa Preta em Tetsu Shin Ryu Ju-Jitsu
    Faixa Roxa em Jiu Jitsu Brasileiro[1]
Período em
atividade
2010-presente (MMA)
Cartel profissional no Kickboxe
Total 20
Vitórias 20
Derrotas 0
Cartel no MMA
Total 13
Vitórias 12
Por nocaute 7
Por finalização 1
Por decisão 4
Derrotas 1
Por decisão 1
Ligações externas
Página oficial:
Recorde de MMA no Sherdog

Stephen Randall Thompson (Simpsonville, 01983-02-11 11 de fevereiro de 1983) é um lutador americano de artes marciais mistas e ex-kickboxer, atualmente ele compete no Peso Meio Médio do Ultimate Fighting Championship. Thompson é invicto em suas 37 lutas amadoras e 20 profissionais no kickboxing americano, vencendo 28 por nocaute.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Stephen Thompson é o instrutor principal do programa de Caratê para crianças na Upstate Karate em Simpsonville, South Carolina. Ele é o filho mais velho de Ray Thompson, que é seu treinador e empresário. Thompson se formou no ensino médio em 2001. Ele estuda artes marciais mistas desde que era pré-adolescente e ganhou a faixa preta em Kenpō Karate e Kickboxing americano e a faixa roxa em Jujitsu. Ele estudou Jiu Jitsu Brasileiro com seu cunhado Carlos Machado.

Kickboxing[editar | editar código-fonte]

Luta com Raymond Daniels[editar | editar código-fonte]

Thompson lutou com o também invicto e estrela no kickboxing Raymond Daniels em uma luta muito aguardada. Thompson originalmente perdeu o combate por nocaute técnico devido a uma lesão. A lesão durante a luta dexiou Thompson incapaz de continuar. A luta depois foi declarada Sem Resultado e não é reconhecido no cartel de ambos kickboxers, profissional ou amador.

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Thompson era esperado para enfrentar Justin Edwards em 4 de Fevereiro de 2012 no UFC 143, substituindo o lesionado Mike Stumpf.[3] Porém, Edwards foi forçado a se retirar da luta com uma lesão e foi substituído por Dan Stittgen.[4] Thompson venceu a luta por nocaute no primeiro round após lançar um chute na cabeça. Pela sua performance, Thompson foi premiado com o bônus de Nocaute da Noite.

Em sua segunda luta pelo UFC Thompson foi derrotado pelo experiente Matt Brown em 21 de Abril de 2012 no UFC 145 por decisão unânime. Wonderboy disse que precisava de tempo para se adaptar ao esporte relativamente novo para ele. [5]

Thompson era esperado para enfrentar Besam Yousef em 17 de Novembro de 2012 no UFC 154.[6] Porém, Thompson foi forçado a se retirar da luta com uma lesão no joelho e foi substituído por Matthew Riddle.[7]

Thompson era esperado para enfrentar Amir Sadollah em 25 de Maio de 2013 no UFC 160.[8] Porém, Sadollah foi forçado a se retirar do evento com uma lesão e foi substituído por Nah-shon Burrell.[9] Ele venceu a luta por decisão unânime.[10]

Thompson em seguida enfrentou Chris Clements em 21 de Setembro de 2013 no UFC 165.[11] Ele venceu a luta por nocaute no segundo round.

Wonderboy vs. Robert Whittaker[editar | editar código-fonte]

Thompson enfrentou a promessa australiana Robert Whittaker em 22 de Fevereiro de 2014 no UFC 170. Ele venceu por nocaute técnico no primeiro round. Sua performance lhe rendeu o bônus de Performance da Noite.

Wonderboy vs. Coté[editar | editar código-fonte]

Thompson enfrentou Patrick Côté em 27 de Setembro de 2014 no UFC 178. Ele venceu por decisão unânime.

Ele era esperado para enfrentar Brandon Thatch em 14 de Fevereiro de 2015 no evento principal do UFC Fight Night: Thompson vs. Thatch. No entanto, uma lesão tirou Thompson da luta e ele foi substituído por Benson Henderson.

Wonderboy vs. Ellenberger[editar | editar código-fonte]

Thompson era esperado para enfrentar Jake Ellenberger em 11 de Julho de 2015 no UFC 189. No entanto, o UFC moveu a luta para ser a atração principal do The Ultimate Fighter: American Top Team vs. Blackzilians Finale em 12 de Julho de 2015. Thompson venceu a luta por nocaute ainda no primeiro round, com um lindo chute rodado, faturando o prêmio de Performance da Noite

Wonderboy vs. Johny Hendricks[editar | editar código-fonte]

Thompson era esperado para enfrentar Neil Magny em 2 de Janeiro de 2016 no UFC 195, no entanto Magny foi retirado do card para substituir Matt Brown no The Ultimate Fighter: América Latina 2. Thompson então foi movido para enfrentar o ex-campeão Johny Hendricks em 6 de Fevereiro de 2016 no UFC 196 e venceu por nocaute técnico, impondo a primeira derrota por via rápida da carreira de Johny Hendricks. A performance espetacular garantiu o prêmio de performance da noite.

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Thompson começou a lutar com três anos. Seu pai era um lutador profissional e dono de uma escola de caratê. O cunhado de Thompson é Carlos Machado. Seu irmão Evan Thompson é também um lutador de MMA, que competiu no Legacy FC 24 em Outubro de 2013. Stephen já se apresentou com seu pai no Centro da Paz para as Artes Cênicas no “Projeto Atletas”, e já apareceu em vários comerciais de TV.

Campeonatos e realizações[editar | editar código-fonte]

Kickboxing americano[editar | editar código-fonte]

[12]

  • Campeão Amador Peso Médio Estadual de Geórgia do I.S.K.A de 1999
  • Campeão Amador Peso Médio do Sudeste do I.S.K.A de 2000
  • Campeão Amador Peso Médio Leve do Sudeste do I.K.F de 2000
  • Campeão Amador Nacional do Torneio Peso Médio do I.K.F de 2000
  • Campeão Amador Nacional Peso Médio Leve do P.K.C de 2000
  • Campeão Amador Peso Médio Norte-Americano do U.S.A.K.B.F de 2000
  • Campeão Amador Nacional do Torneio de Peso Meio Pesado do I.K.F de 2001
  • Campeão Amador Peso Meio Pesado Nacional do I.K.F de 2002
  • Campeão Amador do Torneio de Cruiserweight Leve Norte-Americano do I.K.F de 2002
  • Campeão Amador Peso Meio Pesado Nacional do P.K.C de 2001
  • Campeão Mundial Amador Peso Meio Pesado do U.S.A.K.B.F de 2001
  • Campeão Mundial Amador Peso Meio Pesado do W.P.K.A de 2001
  • Campeão Mundial Amador Cruiserweight Leve do I.K.F de 2003
  • Campeão Mundial Cruiserweight do I.A.K.S.A de 2003
  • Campeão Mundial Cruiserweight do W.A.K.O de 2005

Artes marciais mistas[editar | editar código-fonte]

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Vitória 12-1 Estados Unidos Johny Hendricks Nocaute Técnico (chutes e socos) UFC Fight Night: Hendricks vs. Thompson 06/02/2016 1 3:31 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Performance da Noite.
Vitória 11-1 Estados Unidos Jake Ellenberger Nocaute (chute rodado e socos) TUF 21 Finale 12/07/2015 1 4:29 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Performance da Noite.
Vitória 10-1 Canadá Patrick Côté Decisão (unânime) UFC 178: Johnson vs. Cariaso 27/09/2014 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 9-1 Austrália Robert Whittaker Nocaute Técnico (socos) UFC 170: Rousey vs. McMann 22/02/2014 1 3:43 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Performance da Noite.
Vitória 8–1 Canadá Chris Clements Nocaute (soco) UFC 165: Jones vs. Gustafsson 21/09/2013 2 1:27 Canadá Toronto, Ontario
Vitória 7–1 Estados Unidos Nah-shon Burrell Decisão (unânime) UFC 160: Velasquez vs. Pezão II 25/05/2013 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Derrota 6–1 Estados Unidos Matt Brown Decisão (unânime) UFC 145: Jones vs. Evans 21/04/2012 3 5:00 Estados Unidos Atlanta, Georgia
Vitória 6–0 Estados Unidos Dan Stittgen Nocaute (chute na cabeça) UFC 143: Diaz vs. Condit 04/02/2012 1 4:13 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Nocaute da Noite.
Vitória 5–0 Estados Unidos Patrick Mandio Decisão (unânime) Fight Party - Masquerade Fight Party 01/10/2011 3 5:00 Estados Unidos Atlanta, Georgia
Vitória 4–0 Estados Unidos William Kuhn Decisão (unânime) XC - Xtreme Chaos 2 15/07/2011 3 5:00 Estados Unidos Anderson, Carolina do Sul
Vitória 3–0 Estados Unidos Marques Worrell Finalização (mata leão) Fight Party - Greenville Kage Fighting 18/09/2010 2 3:08 Estados Unidos Greenville, Carolina do Sul
Vitória 2–0 Estados Unidos Danny Finz Nocaute Técnico (socos) Fight Party - Xtreme Cage Fighting 2 22/05/2010 1 3:45 Estados Unidos Greenville, Carolina do Sul
Vitória 1–0 Estados Unidos Jeremy Joles Nocaute (socos) Fight Party - Greenville Kage Fighting 05/02/2010 2 3:40 Estados Unidos Greenville, Carolina do Sul

Referências[editar | editar código-fonte]