Super Bowl XLIX

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O estádio University of Phoenix Stadium, onde o jogo aconteceu.

O Super Bowl XLIX foi a 49.ª edição do Super Bowl, evento que representa a grande final da National Football League (a liga profissional de futebol americano dos Estados Unidos) e aconteceu no dia 1 de fevereiro de 2015 no University of Phoenix Stadium, em Glendale, Arizona, tendo o New England Patriots como o campeão da temporada de 2014 da NFL.[1] A cidade-sede e o estádio foram anunciados em 2011. Inicialmente, a NFL pretendia mandar o jogo em Kansas City, mas os Chiefs desistiram após não conseguir as aprovações necessárias para renovar o Arrowhead Stadium.[2] Como parte do novo acordo de rede NFL, a rede de televisão NBC foi a emissora oficial do jogo.[3]

A partida foi disputada entre o New England Patriots, campeão da AFC, e o Seattle Seahawks, campeão da NFC.[4] Os Seahawks se tornavam o primeiro time desde os próprios Patriots em 2005 a aparecer dois anos seguidos no Super Bowl, sendo campeões vigentes no retorno. [5] Os Patriots acabaram vencendo o jogo por 28 a 24, com Tom Brady sendo nomeado o MVP ("Jogador Mais Valioso") da noite. Foi o quarto título do time de Massachusetts, todos sob o técnico Bill Belichick e a liderança de Brady, que com seu terceiro MVP igualou o recorde de Joe Montana.[6]

O show do intervalo ficou a cargo da cantora Katy Perry, acompanhada pelo músico Lenny Kravitz e pela rapper Missy Elliot.[7]

Resumo das pontuações[editar | editar código-fonte]

Jogada Pontuação
1.º Quarto
2.º Quarto
NE – touchdown de recepção de 11 jardas por Brandon LaFell em um passe de T. Brady (ponto extra bem sucedido, por Gostkowski), 4:10 NE 7–0
SEA – touchdown terrestre de Marshawn Lynch (ponto extra bem sucedido, por Hauschka), 2:16 7–7
NE – touchdown de recepção de 22 jardas por Rob Gronkowski em um passe de T. Brady (ponto extra bem sucedido, por Gostkowski), 1:15 NE 14–7
SEA – touchdown de recepção de 11 jardas por Chris Matthews em um passe de R. Wilson (ponto extra bem sucedido, por Hauschka), 0:02 14–14
3.º Quarto
SEA – Field goal de 27 jardas por Hauschka, 3:51 SEA 17–14
SEA – touchdown de recepção de 3 jardas por Doug Baldwin em um passe de R. Wilson (ponto extra bem sucedido, por Hauschka), 3:13 SEA 24–14
4.º Quarto
NE – touchdown de recepção de 4 jardas por Danny Amendola em um passe de T. Brady (ponto extra bem sucedido, por Gostkowski), 4:15 SEA 24–21
NE – touchdown de recepção de 3 jardas por Julian Edelman em um passe de T. Brady (ponto extra bem sucedido, por Gostkowski), 4:50 NE 24–28
Final: New England Patriots 28 x 24 Seattle Seahawks

Referências

  1. Klemko, Robert (11 de outubro de 2011). Arizona, not Tampa, will host Super Bowl XLIX in 2015 The Huddle USA Today. Visitado em 5 de janeiro de 2012.
  2. No rolling roof, no Super Bowl at Arrowhead Associated Press ESPN (May 25, 2006). Visitado em June 2, 2011.
  3. Barron, David. "NFL extends broadcast agreements through 2022, generating billions", Houston Chronicle. Página visitada em 19 de dezembro de 2011.
  4. "Super Bowl matchup (XLIX)". Página acessada em 19 de janeiro de 2015.
  5. Super Bowl XLIX by the numbers: 2 in a row for Seahawks or 4 for Belichick and Brady?
  6. "Brady quebra recordes, novato salva no final, e Patriots vencem Super Bowl". Página acessada em 2 de fevereiro de 2015.
  7. "Lenny Kravitz joins Katy Perry for Super Bowl Halftime Show". Página acessada em 19 de janeiro de 2015.