T. H. White

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
T. H. White
White em palestra no Boston College, nos Estados Unidos, em 1959
Nascimento 29 de maio de 1906
British Raj Red Ensign.svg Bombaim, Colônia de Bombaim, Índia Britânica, hoje Índia Mumbai, estado de Maharashtra, Índia
Morte 17 de janeiro de 1964 (57 anos)
State Flag of Greece (1863-1924 and 1935-1970).svg Piraeus, Ática, Reino da Grécia, hoje Grécia Município de Piraeus, Grécia
Nacionalidade Reino Unido britânico
Influências
Género literário fantasia

Terence Hanbury White, famoso pelo pseudónimo T. H. White (Bombaim, Índia Britânica, hoje Mumbai, Índia, 29 de maio de 1906Piraeus, Reino da Grécia, hoje Grécia, 17 de janeiro de 1964) foi um escritor britânico, famoso por ter escrito O único e eterno rei (O rei que foi e um dia será, em Portugal), a série de livros que recontam a obra de Thomas Malory sobre o Rei Artur, e que muitos dizem ser a versão definitiva sobre o Rei Artur.

Após se graduar pela Universidade de Cambridge com mérito em Inglês, passou algum tempo lecionando em Stowe, antes de se dedicar por completo à escrever seus livros.

T.H.White morreu a bordo de um navio em Pireu, na Grécia, enquanto voltava de uma viagem às Américas.

Ele se interessava pela arte da caça, falcoaria, aviação e pesca.

A série[editar | editar código-fonte]

Os livros da série Outrora e Futuro Rei são:

  • 1938 - A espada na pedra - mostra toda a educação de Artur e como chegou a ser rei; nesse livro a proximidade de Artur e Merlin é destacada.
  • 1939 - A rainha do ar e das sombras - sobre a fase da busca do Graal
  • 1940 - O cavaleiro imperfeito - sobre Lancelot, grande cavaleiro e melhor amigo de Artur, e que o trairia com sua esposa Guinevere.
  • 1958 - A chama ao vento - trata dos últimos anos de reinado de Artur e de seu relacionamento com seu filho Mordred.
  • 1977 - O livro de Merlin - publicado póstumamente; é o livro que fecha a série e um manifesto contra movimentos nacionalistas que só provocam a guerra.

Outras obras[editar | editar código-fonte]

White escreveu muitos outros livros, alguns com pseudônimos como Mistress Masham’s Repose (sem tradução para o português), no qual uma garota descobre um grupo de lilliputianos (criaturas minúsculas do livro As Viagens de Gulliver de Jonathan Swift) vivendo perto de sua casa.

Influência[editar | editar código-fonte]

  • O musical da Broadway Camelot foi baseado na série Outrora e Futuro Rei.
  • Outra obra baseada nos livros de White é o filme de animação dos estúdios Disney, A espada era a lei.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.