The Tarnished Angels

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Tarnished Angels
O meu maior pecado (PT)
Almas maculadas (BR)
 Estados Unidos
1957 •  pb •  91 min 
Direção Douglas Sirk
Produção Albert Zugsmith
Roteiro George Zuckerman
William Faulkner (livro)
Elenco Rock Hudson
Robert Stack
Dorothy Malone
Gênero Drama
Música Frank Skinner
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

The Tarnished Angels (br.: Almas maculadas / pt.; O meu maior pecado) é um filme estadunidense de 1958 do gênero Drama, dirigido por Douglas Sirk. Roteiro de George Zuckerman de uma novela de 1935 chamada Pylon de autoria de William Faulkner. O Estúdio Universal International reune uma vez mais o diretor Sirk e o trio de atores (Rock Hudson, Robert Stack e Dorothy Malone) que haviam trabalhado anteriormente no filme Written on the Wind dois anos antes. O diretor preferiu filmar em preto e branco (CinemaScope) para melhor capturar a atmosfera da época. O escritor Faulkner considerou o filme a melhor adaptação cinematográfica de uma obra sua. [1] .

Elenco[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Em 1932, o ex-piloto da I Guerra Mundial Roger Shumann arrisca a vida ao se apresentar em shows aéreos para ganhar prêmios em dinheiro para manter seu avião, seu mecânico, sua esposa e filho criança. Ao chegar para a apresentação em Louisiana durante o Carnaval da cidade, o repórter Burke Devlin o procura para uma história e acaba por ceder seu apartamento para ele e os acompanhantes passarem a noite. Enquanto assiste ao acidentado festival aéreo, Burke se apaixona pela bela LaVerne, cobiçada por todos a sua volta e, aparentemente, desprezada pelo marido.

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]