Thomás Pompeu de Souza Brasil Netto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Thomás Pompeu de Souza Brasil Netto
Nome nativo Thomás Pompeu de Souza Brasil Netto
Nascimento 1 de janeiro de 1908
Rio de Janeiro
Morte 10 de setembro de 1985 (77 anos)
Fortaleza
Cidadania Brasil
Progenitores Pai:Tomás Pompeu de Sousa Brasil (III)
Alma mater Liceu do Ceará, Escola Politécnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro
Ocupação engenheiro
Prêmios Medalha do Mérito Industrial - FIEC, Sereia de Ouro
Empregador Banco do Nordeste do Brasil, Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial

Thomás Pompeu de Souza Brasil Netto (Rio de Janeiro, 1 de janeiro de 1908Fortaleza, 10 de setembro de 1985) foi um engenheiro brasileiro. Foi presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI) de 1968 a 1977.[1][2][3][4]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho do renomado médico Thomaz Pompeu Filho e Noemi Coelho Pompeu. Foi casado com Bertha Leche Pompeu com quem teve os filhos José Pompeu, Alba, Ângela e Thomaz Bisneto. E no 2º casamento com Santinha Alves Araújo teve os filhos Marcos e Ricardo.[1][5][6]

Segundo presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) de 1964 a 1967, presidente dos Conselhos Regionais do SESI/CE e SENAI/CE e diretor regional do SESI no período de 1964 a 1971. Foi o principal organizador e presidente do Sindicato da Indústria de Fiação e Tecelagem do Ceará até 1962 e presidente da Associação Comercial de 1955 a 1956.[7]

Em 14 de Outubro de 1968 assumiu a presidência da Confederação Nacional da Indústria (CNI) ficando até 1977 sendo reconhecido por ter uma visão humanística do processo de industrialização do Brasil.[8][9][10]

Construiu e fez funcionar em Fortaleza os Centros de Atividade Thomaz Pompeu de Souza Brasil do SESI/CE e o Centro de Formação Profissional de Tecnologia Gráfica Waldyr Diogo de Siqueira. No interior, construiu o Centro de Atividades do SESI/CE no Crato.[11][12]

Realizou notáveis empreendimentos na direção nacional do SESI e do SENAI quer no aspecto material, quer na integração do potencial de valores humanos do operário brasileiro em todas as formas de progresso transformado em realidade social.[13][14][15]

Condecorações[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Federação das Indústrias do Ceará (FIEC). «3º Agraciado com a Medalha do Mérito Industrial». Consultado em 28 de junho de 2008 
  2. Brasil, CPDOC - Centro de Pesquisa e Documentação História Contemporânea do. «BRASIL NETO, TOMAS POMPEU DE SOUSA | CPDOC - Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil». CPDOC - Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil. Consultado em 12 de setembro de 2018 
  3. «Thomás Pompeu de Souza Brasil Netto - Gestão: Uma visão de futuro». www.sfiec.org.br. Consultado em 12 de setembro de 2018 
  4. O clã de Santa Quitéria (Memória histórica sôbre vaqueiros e eruditos). [S.l.]: Of. Emp. Gráf. O Cruzeiro. 1967 
  5. «SENADOR POMPEU, UM PIONEIRO NA EDUCAÇÃO CEARENSE». Artigos.com. Consultado em 12 de setembro de 2018 
  6. O processo histórico de industrialização do Ceará: um estudo. [S.l.]: Federação das Indústrias do Estado do Ceará. 1989 
  7. «Sinditêxtil - Sindicato da Indústria de Fiação e Tecelagem em geral no Estado do Ceará». www.sinditextilce.org.br. Consultado em 12 de setembro de 2018 
  8. Souza, Castro,José de (7 de março de 2016). O enigma Salej (em eslovaco). [S.l.]: Kbr Editora Digital. ISBN 9788581804453 
  9. Motta, Cezar (19 de março de 2018). Até a última página: Uma história do Jornal do Brasil. [S.l.]: Objetiva. ISBN 9788554510893 
  10. Melo, Alessandro de; Faria, Camila Grassi Mendes de; Wolf, Luciani; Cavalcante, Rafael Gomes; Melo, Alessandro de; Faria, Camila Grassi Mendes de; Wolf, Luciani; Cavalcante, Rafael Gomes. «Education and work in the perspective of the Brazilian business community: the basic education project of the National Confederation of Industry (CNI)». Cadernos CEDES. 34 (94): 333–348. ISSN 0101-3262. doi:10.1590/S0101-32622014000300004 
  11. «Decreto nº 60.682, de 4 de Maio de 1967 - Publicação Original - Portal Câmara dos Deputados». www2.camara.leg.br. Consultado em 12 de setembro de 2018 
  12. Indústria e desenvolvimento. [S.l.]: A Federação. 1974 
  13. Alcântara, Anísio. «AL homenageia os 65 anos da Federação das Indústrias do Ceará» 
  14. Brasil e iniciativa privada. [S.l.]: APEC. 1977 
  15. Revista SENAI. [S.l.]: Departamento Nacional, Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial. 1974 
  16. «Thomás Pompeu Netto «  Sereia de Ouro». hotsite.verdesmares.com.br. Consultado em 12 de setembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Edmundo de Macedo Soares e Silva
Presidente da CNI
Confederação Nacional da Indústria

19681977
Sucedido por
Domício Velloso da Silveira