Twist

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Twist é uma dança típica dos Estados Unidos que tem como origem ritmos como rock and roll, jazz e outros. A dança se expandiu dos EUA para vários países e foi o estilo que marcou a década de 60, seu principal divulgador foi Chubby Checker.[1]

O ritmo twist  foi uma dança inspirada pelas músicas do rock and roll dos anos de 1960. Logo no começo da década, se tornou a primeira dança considerada como “mania mundial”, aproveitando toda sua grande popularidade, principalmente entre o público jovem, ao mesmo tempo que era alvo de pesadas críticas da sociedade tradicional, que acreditava que aquela dança era demasiadamente sensual e sexualmente provocante. Vindo do rock and roll, o twist, por sua vez, foi responsável por inspirar a criação de muitos outros estilos de dança, como o jerk, o watusi e o monkey. O nome vem da música de Chubby Checker chamada “The Twist”, que era um cover de Hank Ballard & The Midnighters.

A inspiração original do termo twist veio de uma dança afro-americana chamada "wringin and twistin”, que se tem notícia desde os anos 1890. Porém, sua origem estética vem dos movimentos pélvicos e passos aleatórios, herdados do oeste africano. Durante todo o século XX, a dança se desenvolveu, até alcançar uma audiência em massa nos anos 1960. O uso do termo twist, veio do século XIX, onde, Segundo historiadores, uma com movimentos pélvicos, chegou aos Estados Unidos vinda do Congo, trazida por escravos. Um dos primeiros grandes cantores dessa época, daquilo que viria a ser o twist, era Joel Sweeney, que se tornou bastante conhecido com uma música chamada “Vine Shaquille Twist”. Sweeney havia aprendido a tocar banjo com os escravos que trabalhavam no estado da Virginia.

Apesar de toda a história por trás dos primórdios do twist, os passes e estilo simples que conhecemos hoje, veio mesmo com Chubby Checker, num sábado, 6 de Agosto de 1960, durante sua apresentação no programa de TV Dick Clark Show, que era um programa em que contava com um público sentado. Dirk Clark era conhecido por apresentar ao povo americano novos talentos da música, e deu uma chance ao Chubby Checker depois de ouvir alguns ótimos covers que ele fazia como músico amador. Depois da apresentação de Checker, a gravadora Cameo/Parkway correu para gravar o cover de “The Twist”, do jovem Chubby Checker. A gravação foi lançada no mesmo ano, e a música logo alcançou o topo das paradas nos Estados Unidos por quase três anos seguido.

O twist é dançado com os pés do casal ficando a média distância. Os braços são mantidos longe do corpo, com os cotovelos dobrados. O quadril, o tronco, as pernas giram sobre os pés como um só, com os braços podendo ficar parados ou em movimento. Os pés se movem para frente e para trás, com a velocidade variando de acordo com o tempo da música. Às vezes, as pernas podem ser levantadas por conta de alguma coreografia específica, mas, geralmente, é uma dança de baixa postura, com muito contato dos pés com o chão, sem muita movimentação vertical.

Além de Chubby Checker, outros célebres artistas do twist foram: Danny & the Juniors, Joey Dee & the Starliters, the Isley Brothers, Sam Cooke, The Midnighters e the Dovell

[$_#]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Kid Vinil. In: Ediouro Publicações. ALMANAQUE DO ROCK. [S.l.: s.n.]. 49 p.
Ícone de esboço Este artigo sobre dança é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.