Wella

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wella
Tipo Subsidiária
Fundação 1880 (137 anos)
Fundador(es) Franz Ströher
Sede Darmstadt, Hessen,
 Alemanha
Área(s) servida(s) Mundo
Proprietário(s) Coty, Inc.
Website oficial Wella.com

A empresa Wella é uma das maiores fornecedoras mundiais de cosméticos. Foi fundada em 1880 por Franz Stroher, é sediada em Darmstadt, Alemanha e tem representação em mais de 150 países.

A Wella é especializada em produtos para cabelos, incluíndo xampus, condicionadores, cremes de tratamento, alisantes e tinturas. A linha de tinturas é em quatro principais produtos: a tintura em creme para cabelos chamado color perfect coloração profissional, Koleston, uma tintura de aplicação rápida chamada Wellaton e uma tintura de cores suaves e clareadora chamada Soft Color. Possui ainda diversos produtos na linha profiddional sob a marca Wella Professionals.

Em 16 de Junho de 2015, foi vendida pela Procter & Gamble junto com outras 43 marcas por $ 15 bilhões para a Coty, Inc.[1][2]

Publicidade[editar | editar código-fonte]

A Wella possui um largo histórico de uso de celebridades em seus anúncios e publicidade. No Brasil, as principais celebridades que já estrelaram campanhas para a marca foram: Gisele Bündchen[3], Paula Fernandes[4], Sabrina Sato[5] e Xuxa[6].

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Associated Press (9 de junho de 2015). «Procter & Gamble sells 43 of its beauty brands to Coty for $15bn» (em inglês). The Guardian. Consultado em 3 de junho de 2017 
  2. Daniele Madureira (16 de junho de 2015). «Coty compra negócios da P&G por US$ 12 bilhões, diz jornal». Valor Econômico. Consultado em 3 de julho de 2017 
  3. O Estado de S. Paulo (4 de novembro de 2016). «Gisele Bündchen canta e toca violão em campanha de marca de beleza». O Estado de S. Paulo. Consultado em 3 de julho de 2017 
  4. «Paula Fernandes se transforma para Wella Proseries». Exame. 12 de novembro de 2013. Consultado em 3 de julho de 2017 
  5. Helena Tarozzo (29 de maio de 2014). «A musa irreverente da moda nacional». O Estado de S. Paulo 
  6. AdNews (23 de agosto de 2012). «Xuxa fica morena para campanha da Wella». Adnews. Consultado em 3 de julho de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.