What a Time to Be Alive

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
What a Time to Be Alive
Mixtape de Drake e Future
Lançamento 20 de setembro de 2015 (2015-09-20)
Gravação 2015 (Atlanta, Georgia)
Gênero(s)
Duração 40:30
Idioma(s)
Formato(s)
Gravadora(s)
Produção
Cronologia de Drake
If You're Reading This It's Too Late
(2015)
Views
(2016)
Cronologia mixtape de Future
DS2
(2015)
Evol
(2016)

What a Time to Be Alive é uma mixtape colaborativa entre os rappers, o canadense Drake e o estadunidense Future. Foi disponibilizada para Descarga digital paga em 20 de setembro de 2015 (2015-09-20) no iTunes Store. O álbum foi lançado pelas editoras discográficas A1, Cash Money Records, Epic Records, Freebandz, Republic Records e Young Money.[1]

Performance comercial[editar | editar código-fonte]

What a Time to Be Alive estreou na primeira posição na Billboard 200, vendendo 334,000 copias na semana de estréia.[1] Na semana seguinte o álbum caiu para a segunda posição, vendendo 61,000 unidades.[2] Até Novembro de 2015, What a Time to Be Alive vendeu 472,000 copias no Estados Unidos.[3]

Faixas[editar | editar código-fonte]

TítuloProdutor(s) Duração
1. "Digital Dash"  
  • Metro Boomin
  • Southside
3:51
2. "Big Rings"  
  • Metro Boomin
3:37
3. "Live from the Gutter"  
3:31
4. "Diamonds Dancing"  
  • Metro Boomin
  • Allen Ritter
  • Frank Dukes
5:14
5. "Scholarships"  
  • Metro Boomin
3:29
6. "Plastic Bag"  
  • Neenyo
3:22
7. "I'm the Plug"  
  • Southside
3:00
8. "Change Locations"  
  • Detail
3:40
9. "Jumpman"  
  • Metro Boomin
3:25
10. "Jersey" (performed by Future)
  • Metro Boomin
  • Southside
3:08
11. "30 for 30 Freestyle" (performed by Drake)Noah "40" Shebib 4:13
Duração total:
40:30

Desempenho nas paradas[editar | editar código-fonte]

Gráficos semanais[editar | editar código-fonte]

Paradas (2015) Melhor
posição
Austrália (ARIA Charts)[4] 4
Bélgica (Ultratop 50 Flandres)[5] 23
Bélgica (Ultratop 40 Valônia)[6] 46
Canadá (Billboard Canadian Albums) [7] 1
Dinamarca (Hitlisten)[8] 21
Países Baixos (MegaCharts)[9] 9
França (SNEP)[10] 34
Irlanda (IRMA)[11] 30
Nova Zelândia (RMNZ)[12] 8
 Noruega (VG-lista)[13] 29
Espanha (PROMUSICAE)[14] 99
Suécia (Sverigetopplistan)[15] 38
Reino Unido (UK Albums) (OCC)[16] 6
Reino Unido (UK R&B Albums Chart) (OCC)[17] 1
Estados Unidos (Billboard 200)[18] 1
Estados Unidos (Billboard Top R&B/Hip Hop Albums)[19] 1

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Drake and Future's Surprise Album Debuts at No. 1 on Billboard 200 Chart». Billboard 
  2. «Hip hop album sales: Fetty Wap, Drake and Future». hiphopdx.com 
  3. «Charts Don't Lie: November 18». 18 de novembro de 2015. Consultado em 20 de novembro de 2015 
  4. Drake & Future – What a Time to Be Alive (em inglês). Australiancharts.com. Hung Medien.
  5. Drake & Future – What a Time to Be Alive (em holandês). Ultratop.be. Hung Medien.
  6. Drake & Future – What a Time to Be Alive (em francês). Ultratop.be. Hung Medien.
  7. Drake Chart History (Canadian Albums) (em inglês). Billboard.
  8. Drake & Future – What a Time to Be Alive (em dinamarquês). Danishcharts.com. Hung Medien.
  9. Drake & Future – What a Time to Be Alive (em holandês). Dutchcharts.nl. Hung Medien.
  10. Drake & Future – What a Time to Be Alive (em francês). Lescharts.com. Hung Medien.
  11. GFK Chart-Track (em inglês). Chart-Track.co.uk. GFK Chart-Track. IRMA.
  12. Charts.nz – Drake & Future – What a Time to Be Alive (em inglês). Hung Medien.
  13. http://lista.vg.no/liste/topp-40-album/2
  14. Drake & Future – What a Time to Be Alive (em inglês). Spanishcharts.com. Hung Medien.
  15. Drake & Future – What a Time to Be Alive (em inglês). Swedishcharts.com. Hung Medien.
  16. Official Albums Chart Top 100 (em inglês). Official Charts Company.
  17. Official Rock & Metal Albums Chart Top 40 (em inglês). Official Charts Company. The Official Charts Company.
  18. Drake Album & Song Chart History (em inglês). Billboard 200 para Drake. Prometheus Global Media.
  19. Drake Album & Song Chart History (em inglês). Billboard Top R&B/Hip Hop Albums para Drake. Prometheus Global Media.