More Life

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
More Life
Mixtape de Drake
Lançamento 18 de março de 2017 (2017-03-18)
Estúdio(s)
  • Sandra Gale Studios
  • Yolo Estate SOTA Studios
  • Studio 306 & Four Seasons
Gênero(s)
Duração 81:42
Formato(s)
Gravadora(s)
Produção
  • 40 (prod. exec.)
  • Drake (exec.)
  • Oliver El-Khatib (exec.)
  • Akira Woodgrain
  • Allen Ritter
  • Boi-1da
  • Charlie Handsome
  • Chef Pasquale
  • Cubeatz
  • Deejae
  • FrancisGotHeat
  • Frank Dukes
  • G. Ry
  • Hagler
  • iBeatz
  • Jazzfeezy
  • Kanye West
  • M3rge
  • Murda Beatz
  • Nabeyin
  • Nana Rogues
  • Ness
  • Nineteen85
  • Noah Goldstein
  • Symbolyc One
  • Steve Samson
  • Stwo
  • Supah Mario
  • T-Minus
  • Top FLR
  • Vinylz
  • Wallis Lane
  • PARTYNEXTDOOR
Cronologia de Drake
Views
(2016)
Scary Hours
(2018)

More Life é a sexta mixtape do rapper canadense Drake. O artista descreve More Life como uma playlist,[4][5] apesar de algumas publicações classificarem o trabalho como uma mixtape.[6][7][8] Seu lançamento ocorreu em 18 de março de 2017, pela OVO Sound, Young Money, Cash Money Records e Republic Records.[9][10][11]

A produção da mixtape contou com a participação de 40, Frank Dukes, Boi-1da, Murda Beatz, T-Minus, Nineteen85, Kanye West e outros. Além disso, existem participações musicais de Young Thug, Giggs, Skepta, Quavo, Travis Scott, 2 Chainz, Kanye West, Jorja Smith, Sampha e PARTYNEXTDOOR.[12] O álbum conta com gêneros musicais diversos, como hip hop, R&B, dancehall, grime, trap, Afrobeat[13] e pop. Em suporte da mixtape, foram lançados cinco singles, "Fake Love", "Passionfruit", "Free Smoke", "Portland" e "Glow".[14] More Life recebeu críticas positivas de modo geral e alcançou a primeira posição na Billboard 200 dos Estados Unidos, tornando-se o sétimo álbum número um consecutivo do rapper, além de quebrar diversos recordes de streaming.[6][15]

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Após o anúncio do projeto, Drake descreveu que a mixtape seria um trabalho para criar uma ponte entre grandes e pequenos lançamentos.[16] Em entrevista à Complex, detalhou a intenção de criar uma playlist com coleção de músicas que se tornam a trilha sonora de sua vida.[17] More Life esteve sujeita a muitas datas de lançamento, inicialmente especulado para dezembro de 2016. No entanto, foi adiado para janeiro, depois da lesão no tornozelo sofrida por Drake na Summer Sixteen Tour. Outras datas também foram rumores, até o anúncio oficial do lançamento que ocorreria em março de 2017.[18]

A mixtape More Life é uma referência à gíria jamaicana cujo significado é desejar o bem a alguém, popularizada pelo artista de dancehall Vybz Kartel,[19] cujo foi citado por Drake como uma de suas maiores influências para a sonoridade dancehall do álbum.[20][21] A última canção do álbum, "Do Not Disturb", faz menção à sentença "Club Palazzo in the Bridge". A frase é referência a uma antiga boate do noroeste de Toronto, em Woodbridge, Ontario.[22] A capa do projeto contém a foto do pai de Drake, Dennis Graham, fotografada em 1970. A foto é cercada por uma boda em cor preta, com a legenda de "A Playlist By October Firm", escrita embaixo da foto.[23] A versão original da capa foi lançada em outubro de 2016, na conta do Instagram do cantor, sem a borda preta e a legenda.[24]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Pontuações agregadas
Fonte Avaliação
Metacritic 79/100
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
AnyDecentMusic? 7.5/10[25]
AllMusic 2.5 de 5 estrelas.[26]
The A.V. Club B+[27]
Consequence of Sound A-[28]
Exclaim! 8/10[29]
The Guardian 4 de 5 estrelas.[30]
The Independent 4 de 5 estrelas.[1]
The Observer 3 de 5 estrelas.[31]
Pitchfork 7.8/10[32]
Rolling Stone 4 de 5 estrelas.[33]

Crítica profissional[editar | editar código-fonte]

Após o lançamento, a mixtape recebeu críticas positivas. No Metacritic, a mixtape recebeu nota 79 de 100, baseada em 25 avaliações.[6] Dan Weiss, do portal Consequence of Sound, disse que "os cantos e as melodias são feitos com cuidado diferentemente dos trabalhos anteriores do artista; o álbum flui de modo improvável tanto quanto The Life of Pablo, com letras mais seguras e sequências mais suaves."[28] Erin Lowers, da revista Exclaim!, disse que "apesar das pequenas gafes, More Life cimenta um lugar que dá espaço para gêneros esquecidos pela mídia convencional, como o dancehall, o grime, Afrobeat, house, trap e, claro, o rap; o rapper leva Toronto a uma turnê mundial para celebrar a vida."[29] Rob Sheffield, da Rolling Stone, disse que "a mixtape More Life é a melhor coletânea de Drake em anos, alegre durante 22 faixas e 82 minutos, sendo um passeio magistral em diversos gêneros musicais; no entanto, quanto mais expansão musical a mixtape sofre, mais soa como Drake - e quanto mais ele percorre em suas músicas, mais profundo ele toca."[33]

Comercial[editar | editar código-fonte]

Mundialmente, no dia do lançamento, More ife quebrou recordes de streaming no Spotify e na Apple Music.[34] As canções do álbum acumularam 61,3 milhões de streams no Spotify em um único dia, quebrando o recorde anterior de Ed Sheeran para o álbum ÷ de 56,7 milhões de streams, em março de 2017.[35] Na Apple Music, as canções alcançaram um total de 89,9 milhões de streams no doa dia do lançmento, estabelecendo o recorde de álbum com mais streams em um dia na plataforma, além de passar o Spotify em streams diários.[36]

Em 8 de abril, More Life chegou ao topo da Billboard 200 dos Estados Unidos e angariou um recorde de streaming, vendendo 505.000 cópias equivalentes, em que 226.000 eram puras.[15] Até o final de 2017, More Life acumulava cerca de 2.227.000 cópias equivalentes nos Estados Unidos, em que 363.000 eram puras.[37]

Reconhecimento[editar | editar código-fonte]

Publicação Lista Posição Ref.
Billboard Billboards 50 Best Albums of 2017
21
Clash Clash Albums of the Year 2017
31
Complex The Best Albums of 2017
10
Exclaim! Exclaim!s Top 10 Hip-Hop Albums of 2017
4
Noisey The 100 Best Albums of 2017
7
Pitchfork The 50 Best Albums of 2017
38
Rap-Up Rap-Ups 20 Best Albums of 2017
6
Rolling Stone 50 Best Albums of 2017
27
Spin 50 Best Albums of 2017
49

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

Os créditos da mixtape foram retirados da revista XXL.[47]

More Life download digital[48] e streaming[49]
N.º TítuloCompositor(es)Produtor(es) Duração
1. "Free Smoke"  
  • Drake
  • Matthew Samuels
  • Allen Ritter
  • Marvin Bernard
  • Bryan Antoine
  • Daniel Sewell
  • Paul Bender
  • Simon Mavin
  • Perrin Moss
  • Naomi Saalfield
3:39
2. "No Long Talk" (com Giggs)
  • Graham
  • Nathaniel Thomson
  • Shane Lindstrom
  • Kevin Gomringer
  • Tim Gomringer
  • Murda Beatz
  • Cubeatz[a]
2:30
3. "Passionfruit"  
  • Graham
  • Nana Rogues
Rogues 4:59
4. "Jorja Interlude"  
40 1:48
5. "Get It Together" (com Black Coffee e Jorja Smith)
  • Graham
  • Anthony Jefferies
  • Shebib
  • Nkosinathi Maphumulo
  • Busisiwe Nqwiliso
  • Nineteen85
  • 40[b]
  • Stwo (outro)
4:10
6. "Madiba Riddim"  
  • Graham
  • Jefferies
  • Ryan Vojtesak
  • Adam Feeney
  • Frank Dukes
  • Nineteen85
  • Charlie Handsome[b]
3:25
7. "Blem"  
  • T-Minus
  • Frank Dukes[c]
3:37
8. "4422" (com Sampha)
  • Sampha Sisay
  • Francis Nguyen-Tran
FrancisGotHeat 3:06
9. "Gyalchester"  
  • Graham
  • István Megyimorecz
  • Rico Brooks
iBeatz 3:09
10. "Skepta Interlude"  
  • Joseph Adenuga
  • Rogues
Rogues 2:23
11. "Portland" (com Quavo e Travis Scott)
  • Graham
  • Quavious Marshall
  • Jacques Webster
  • Lindstrom
  • T. Gomringer
  • K. Gomringer
  • Murda Beatz
  • Cubeatz[a]
3:57
12. "Sacrifices" (com 2 Chainz e Young Thug)
  • T-Minus
  • Deejae[b]
5:08
13. "Nothings Into Somethings"  
  • Graham
  • Ryan Martinez
  • Paimon Jahanbin
  • Nima Jahanbin
  • Edgar Panford
  • G. Ry
  • Wallis Lane
  • Nabeyin[b]
2:34
14. "Teenage Fever"  
  • Graham
  • LaShawn Daniels
  • Marvin Thomas
  • Cory Rooney
  • Fred Jerkins III
  • Rodney Jerkins
  • Dave Santan
Hagler 3:40
15. "KMT" (com Giggs)
  • Graham
  • Thomson
  • Courtney Clayburn
  • Cameron Shaikh
  • Ness
  • Chef Pasquale
2:43
16. "Lose You"  
  • Graham
  • Shebib
  • Steven Vidal
  • 40
  • Stwo
5:05
17. "Can't Have Everything"  
  • Graham
  • Jaswinder Singh
  • Steve Samson
  • Jazzfeezy
  • Samson
3:48
18. "Glow" (com Kanye West)
  • Graham
  • Kanye West
  • Shebib
  • Malik Yusef
  • Sakiya Sandifer
  • Philip Bailey
  • Noah Goldstein
  • Maurice White
  • Carlo Montagnese
  • Majid Al-Maskati
  • Gabriel Garzón-Montano
  • Jefferies
  • Ilsey Juber
  • Louis Johnson
  • Cydel Young
  • Kenza Samir
  • Jordan Ullman
  • 40
  • West
  • Goldstein[b]
3:26
19. "Since Way Back" (com PARTYNEXTDOOR)
  • Graham
  • PARTYNEXTDOOR
  • Shebib
  • Martinez
  • Marques Hutchison
  • Michael Surio
  • R. Kelly
  • Warryn Campbell
  • G. Ry
  • PARTYNEXTDOOR
  • 40
  • M3rge[a]
  • Top FLR[b]
6:08
20. "Fake Love"  
  • Graham
  • Vinylz
  • Feeney
  • Starrah
  • Vinylz
  • Frank Dukes
3:32
21. "Ice Melts" (com Young Thug)
  • Graham
  • J. Williams
  • Jonathan Priester
  • Symbolyc One (S1)
  • Supah Mario
  • Symbolyc One (S1)
4:11
22. "Do Not Disturb"  
  • Graham
  • Samuels
  • Ritter
  • Shebib
  • Snoh Aalegra
  • Levin Kali
4:44
Duração total:
81:42

Notas

  • ↑[a] significa co-produtor
  • ↑[b] significa produtor adicional
  • ↑[c] significa contribuição musical
  • "Free Smoke" contém vocais adicionais de de Baka Not Nice
  • "Passionfruit" contém vocais adicionais de Moodymann e Zoë Kravitz
  • "Madiba Riddim" contém vocais de conclusão de 4YallEntertainment
  • "Blem" contém vocais de conclusão não creditatos de Lionel Richie e Lil Wayne
  • "4422" originalmente não continha vocais creditados de Sampha
  • "Gyalchester" contém vocais de fundo adicionais de Baka Not Nice
  • "Skepta Interlude" contém vocais de Skepta
  • "Do Not Disturb" contém vocais de fundo de by Snoh Aalegra

Créditos de sample

  • "Free Smoke" contém sample de "Roll Up", escrita por Marvin Bernard, Bryan Antoine e Daniel Sewell, performada por Tony Yayo com Danny Brown; e excertos de "Building a Ladder", escrita por Paul Bender, Simon Mavin, Perrin Moss e Naomi Saalfield, performada por Hiatus Kaiyote.
  • "Jorja Interlude" contém uma interpolação de "Doing It Wrong", escrita por by Aubrey Graham, Noah Shebib e Don McLean, performada por Drake.
  • "Get It Together" contém elementos não creditados de of "Superman", escrita por Nkosinathi Maphumulo e Busisiwe Nqwiliso, performada por Black Coffee com Bucie.
  • "Blem" contém uma interpolação de All Night Long, escrita e performada por Lionel Richie.
  • "Teenage Fever" contém elementos de "If You Had My Love", escrita por Rodney Jerkins, Fred Jerkins III, LaShawn Daniels e Cory Rooney, performada por Jennifer Lopez.
  • "KMT" contém sample de Sonic the Hedgehogs "His World"; e "Shutdown", performada por Skepta.
  • "Glow" contém sample de "Devotion", escrita por Philip Bailey e Maurice White, performada por Earth, Wind & Fire; excertos de "6 8", escritas e performadas por Gabriel Garzón-Montano; e excertos de "Jungle", escrita por Aubrey Graham, Noah Shebib e Kenza Samir, performada por Drake.
  • "Since Way Back" contém sample de "Clipped Wings", escrita por R. Kelly e Warryn Campbell, performada por R. Kelly.
  • "Do Not Disturb" contém sample não creditado de of "Time", escrita e performada por Snoh Aalegra.

Posições[editar | editar código-fonte]

Certificações[editar | editar código-fonte]

País (Empresa) Certificação Vendas
 Canadá (Music Canada) 2× Platina 160.000
 Dinamarca (IFPI Dinamarca) Platina 90.000
 Reino Unido (BPI) Platina 300.000

Referências

  1. a b Gill, Andy (22 de março de 2017). «Album reviews: Drake – More Life, The Jesus And Mary Chain – Damage And Joy, and more». The Independent. Consultado em 24 de março de 2017 
  2. Sargent, Jordan (20 de março de 2017). «Review: The Thrilling More Life Makes a Compelling Argument For the Audacity of Drake». Spin. Consultado em 2 de abril de 2017 
  3. Rindner, Grant (29 de março de 2017). «Album Review: Drake – More Life». Drowned in Sound. Consultado em 2 de abril de 2017 
  4. «Drake Shares New Songs, Announces 'More Life'». NPR. Consultado em 24 de outubro de 2016 
  5. «Drake Says Sade Chose Jay Z Over Him, Gives More Life Update in New Interview | Pitchfork». Pitchfork. Consultado em 28 de janeiro de 2017 
  6. a b c «More Life [Mixtape] by Drake». Metacritic. Consultado em 22 de março de 2017 
  7. McDermott, Maeve. «Drake's 'More Life:' 8 essential tracks from the rapper's new 'playlist'». USA Today. Consultado em 7 de outubro de 2017. Drake returned Saturday with his new 'mixtape' 'More Life.' ... Of course a Drake mixtape would include his frequent collaborators and favorite influencers ... his mixtape is surveying his musical headspace of the moment ... the bar shouldn't be set any lower for More Life because it's a mixtape. 
  8. Singleton, Micah. «Drake's latest project, More Life, is now streaming everywhere». The Verge. Vox Media. Consultado em 7 de outubro de 2017. Calling More Life a "playlist" instead of a mixtape was a collaboration between Drake and Apple Music's team. 
  9. «Is Drake Dropping "More Life" On Saturday Jan 28 To Feature The Weeknd & Popcaan». dancehallhiphop. 28 de janeiro de 2017. Consultado em 28 de janeiro de 2017 
  10. «Drake Tells Fans He's 'Two Weeks' Away From Finishing 'More Life'». Billboard. Consultado em 1 de março de 2017 
  11. Peters, Mitchell (11 de março de 2017). «Drake's 'More Life' Project Finally Gets Release Date: Watch». Billboard. Consultado em 13 de março de 2017 
  12. «Everything We Know About Drake's 'More Life'». Complex. Consultado em 2 de março de 2017 
  13. «Drake – More Life [Album Stream] | Stream [New Mixtape]». HotNewHipHop. Consultado em 19 de março de 2017 
  14. Unterberger, Andrew (26 de março de 2017). «'More Views': A True Drake Playlist Combining the Pop Highlights of His Last Two Efforts». Billboard. Consultado em 26 de março de 2017 
  15. a b Caulfield, Keith (26 de março de 2017). «Drake's 'More Life' Bows at No. 1 on Billboard 200 & Sets Streaming Record». Billboard. Consultado em 27 de março de 2017 
  16. «Drake Fires Back at More Life Release Date Rumors». International Business Times. Consultado em 26 de novembro de 2016 
  17. «Drake Announces New Project 'More Life'». Complex. Consultado em 26 de novembro de 2016 
  18. «A Brief Timeline Of Drake's "More Life" Release Date Delays». HipHopDX. Consultado em 5 de março de 2017 
  19. «Jamaican Slang. Always changing, never ordinary!». Real Jamaica Vacations. Consultado em 26 de novembro de 2016 
  20. «Vybz Kartel Speaks: After Five Years in Prison, He Still Rules Dancehall». Rolling Stone. Consultado em 26 de março de 2017 
  21. «Drake: 'Vybz Kartel Is One Of My Biggest Inspirations'». Hype Life Magazine. 10 de maio de 2016. Consultado em 26 de março de 2017 
  22. Fox, Luke (19 de março de 2017). «Every reference to Toronto (that we could find) on Drake's More Life». Toronto Life. Consultado em 25 de março de 2017 
  23. Castro, Danilo (13 de março de 2017). «Drake Unveils 'More Life' Cover Art» (em inglês). Heavy.com. Consultado em 19 de abril de 2017 
  24. Woolf, Jake (24 de outubro de 2016). «Drake's New 'More Life' Album Cover Will Make You Want To Grow A Mustache». GQ (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2017 
  25. «More Life: A Playlist by October Firm by Drake reviews». AnyDecentMusic?. Consultado em 24 de março de 2017 
  26. Sendra, Tim. «More Life – Drake». AllMusic. Consultado em 2 de maio de 2017 
  27. Purdom, Clayton (23 de março de 2017). «Music Review Drake's More Life doesnt know what the hell it wants to be, which makes it great». The A.V. Club. Consultado em 24 de março de 2017 
  28. a b Weiss, Dan (21 de março de 2017). «Drake – More Life». Consequence of Sound. Consultado em 22 de março de 2017 
  29. a b Lowers, Erin (21 de março de 2017). «Drake: More Life». Exclaim!. Consultado em 24 de março de 2017 
  30. Turner, David (19 de março de 2017). «Drake: More Life review – new 'playlist' sets the sound of summer agenda». The Guardian. Consultado em 23 de março de 2017 
  31. Empire, Kitty (26 de março de 2017). «Drake: More Life review – high-quality filler». The Observer. Consultado em 27 de março de 2017 
  32. Greene, Jayson (22 de março de 2017). «Drake: More Life». Pitchfork. Consultado em 22 de março de 2017 
  33. a b Sheffield, Rob (22 de março de 2017). «Review: Drake's Sprawling New Playlist 'More Life'». Rolling Stone. Consultado em 24 de março de 2017 
  34. «Drake Breaks Apple Music & Spotify Streaming Records With 'More Life' Release». Billboard. Consultado em 21 de março de 2017 
  35. «Drake's 'More Life' Breaks More Spotify Records». 2DOPEBOYZ. Consultado em 20 de março de 2017 
  36. «Drake's More Life shatters streaming records with 89.9 million streams on Apple Music in 24 hours». The Verge. Consultado em 20 de março de 2017 
  37. «2017 U.S. Music Year-End Report». Nielsen SoundScan. Consultado em 22 de janeiro de 2018 
  38. «Billboard's 50 Best Albums of 2017: Critics' Picks». Billboard. 12 de dezembro de 2017. Consultado em 12 de dezembro de 2017 
  39. «Clash Albums Of The Year 2017». Clash. 19 de dezembro de 2017. Consultado em 25 de dezembro de 2017 
  40. «The Best Albums of 2017». Complex. 6 de dezembro de 2017. Consultado em 12 de dezembro de 2017 
  41. «Exclaim!'s Top 10 Hip-Hop Albums». Exclaim!. 5 de dezembro de 2017. Consultado em 15 de dezembro de 2017 
  42. «The 100 Best Albums of 2017». Noisey. 5 de dezembro de 2017. Consultado em 12 de dezembro de 2017 
  43. «The 50 Best Albums of 2017». Pitchfork. 12 de dezembro de 2017. Consultado em 12 de dezembro de 2017 
  44. «Rap-Up's 20 Best Albums of 2017». Rap-Up. 12 de dezembro de 2017. Consultado em 14 de dezembro de 2017 
  45. «50 Best Albums of 2017». Rolling Stone. 27 de novembro de 2017. Consultado em 12 de dezembro de 2017 
  46. «50 Best Albums of 2017». Spin. 18 de dezembro de 2017. Consultado em 19 de dezembro de 2017 
  47. «Here Are the Credits for Drake's 'More Life'». XXL. Consultado em 18 de março de 2017 
  48. «More Life by Drake». Apple Music. 18 de março de 2017. Consultado em 20 de março de 2017 
  49. «More Life by Drake». Spotify. 18 de março de 2017. Consultado em 19 de março de 2017 
  50. «ARIA Australian Top 40 Urban Albums». Australian Recording Industry Association. 27 de março de 2017. Consultado em 25 de março de 2017 
  51. «Le Top de la semaine : Top Albums – SNEP (Week 12, 2017)». Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 28 de março de 2017 
  52. «Irish Albums Chart: 24 March 2017». Irish Recorded Music Association. Consultado em 25 de março de 2017 
  53. «Slovakia Album – Top 100». ČNS IFPI. Consultado em 28 de março de 2017  Click on "Slovakia album".
  54. «TOP 100 ALBUMES – SEMANA 12: del 17.03.2017 al 23.03.2017» (em Spanish). Productores de Música de España. Consultado em 29 de março de 2017 
  55. «Sverigetopplistan – Sveriges Officiella Topplista». Sverigetopplistan. Consultado em 31 de março de 2017  Click on "Veckans albumlista".
  56. «ARIA End of Year Albums 2017». Australian Recording Industry Association. Consultado em 5 de janeiro de 2018 
  57. «Top Canadian Albums – Year-End 2017». Billboard. Consultado em 15 de dezembro de 2017 
  58. «Album Top-100 2017». Hitlisten. Consultado em 11 de janeiro de 2018 
  59. «Jaaroverzichten – Album 2017». Hung Medien. Consultado em 23 de dezembro de 2017 
  60. «Classifiche annuali dei dischi più venduti e dei singoli più scaricati nel 2017» (Click on "Scarica allegato" and open the "Classifica annuale 2017 Album combined" file) (em Italian). FIMI. Consultado em 9 de janeiro de 2018 
  61. «Top Selling Albums of 2017». Recorded Music NZ. Consultado em 22 de dezembro de 2017 
  62. «Årslista Album – År 2017» (em Swedish). Sverigetopplistan. Consultado em 16 de janeiro de 2018 
  63. White, Jack (3 de janeiro de 2018). «The Top 40 biggest albums of 2017 on the Official Chart». Official Charts Company. Consultado em 3 de janeiro de 2018 
  64. «Top Billboard 200 Albums – Year-End 2017». Billboard. Consultado em 12 de dezembro de 2017 
  65. «Top R&B/Hip-Hop Albums – Year-End 2017». Billboard. Consultado em 12 de dezembro de 2017