Wilfried Van Moer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wilfried Van Moer
Wilfried Van Moer
Informações pessoais
Nome completo Wilfried Van Moer
Data de nasc. 1 de março de 1945 (72 anos)
Local de nasc. Beveren,  Bélgica
Nacionalidade belga
Altura 1,68 m
Apelido De Kleine Generaal
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Meio-campista
Clubes de juventude
1959–1964 Bélgica Beveren
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1960–1965
1965–1968
1968–1976
1976–1980
1980–1982
1982–1984
Bélgica Beveren
Bélgica Royal Antwerp
Bélgica Standard de Liège
Bélgica Beringen
Bélgica Beveren
Bélgica Sint-Truiden
121 (56)
77 (14)
170 (24)
53 (7)
50 (6)
26 (0)
Seleção nacional
1966–1982 Flag of Belgium (civil).svg Bélgica 57 (9)

Wilfried Van Moer (Beveren, 1 de março de 1945) é um ex-futebolista e treinador de futebol belga que jogava como meio-campista.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Conhecido como De Kleine Generaal ("O Pequeno General"), Van Moer iniciou sua carreira no Beveren, clube de sua cidade natal, em 1960. Pelos auriazuis, foram 121 jogos e 56 gols marcados. Teve, ainda, passagem destacada pelo Royal Antwerp entre 1965 e 1968.

Porém, seria com o Standard de Liège que ele viveria sua melhor fase, conquistando 3 Campeonatos Belgas (1968-69, 1969-70 e 1970-71) e 1 Copa da Liga, em 1975, além de ter sido eleito 3 vezes o melhor jogador belga, em 1966, 1969 e 1970.

Deixou o Standard em 1976, jogando ainda por Beringen, Beveren e Sint-Truiden, onde deixaria os gramados em 1984, aos 39 anos.

Seleção Belga[editar | editar código-fonte]

Pela Seleção Belga, estreou em outubro de 1966, contra a Suíça, porém não conseguiu levar a equipe à disputa da Eurocopa de 1968.

Jogou a Copa de 1970[1], atuando em 3 jogos. Foi preterido para a Eurocopa de 1972, e, prejudicado por lesões, chegou a se aposentar da seleção, voltando a defendê-la em 1979, ajudando a Bélgica a se classificar para a Eurocopa de 1980, sua primeira competição internacional em uma década.

A experiência do "Pequeno General" não foi suficiente, porém, para evitar o título da Alemanha Ocidental graças ao gol de Horst Hrubesch, já na parte final do jogo. Em 1982, foi convocado para a Copa da Espanha, aos 37 anos - foi o único remanescente da equipe que jogou a Copa de 1970 a disputar a competição, encerrando definitivamente sua carreira internacional em seguida.

Curta carreira como treinador[editar | editar código-fonte]

Em 1996, com a saída de Paul Van Himst, com quem atuou na Copa de 1970, Van Moer foi escolhido como treinador da Seleção Belga, treinada por ele durante 5 jogos.

Referências