Antipapa Cristóvão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cristóvão, considerado por alguns um antipapa,[1] foi um clérigo que reivindicou o papado no início do século X.

Bento VI foi sucedido por Leão V, porém o papado foi tomado por um clérigo chamado Cristóvão, que se declarou papa. Suas pretensões duraram pouco, pois ele foi expulso do trono papal por um usurpador e enviado à prisão. Sérgio III, um membro do partido contrário ao Papa Formoso, foi escolhido como papa, e seu primeiro ato foi ordenar as execuções de Leão V e Cristóvão.[2]

Referências

  1. John Farrow, Pageant of the Popes (1942) Index [em linha]
  2. John Farrow, Pageant of the Popes (1942), Século X [em linha]
Precedido por
Leão V
Antipapa
903 - 904
Sucedido por
Sérgio III

Ver também[editar | editar código-fonte]