Antonio Palacios

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estátua de Antonio Palacios n'O Porriño

Antonio Palacios Ramilo (O Porriño, Pontevedra, 1874Madrid, 1945) foi um arquitecto espanhol.

Obras[editar | editar código-fonte]

Na Galiza
  • Fonte do Cristo (1904), O Porriño.
  • Pavilhão de Recreo (), Paseo da Ferradura, Santiago de Compostela.
  • Monumento da Virxe da Roca (1910), Baiona.
  • Botica Nova (1915), O Porriño, para o seu irmão, farmacéutico.
  • Hotel-Sanatorio (1917), Mondariz.
  • Casa do Concello do Porriño (1918).
  • Teatro García Barbón (1926-1927), Vigo, hoje Centro cultural Caixanova.
  • Vivendas en Praia América, Vigo.
  • Templo Votivo do Mar (1932-1937), Panxón.
  • Mosteiro da Visitación das Salesas (1942), Teis, Vigo.
  • Banca Viñas Aranda (1942), Vigo.
  • Templo da Vera Cruz (1943-1960, O Carballiño.
No resto de Espanha
  • Palácio das Comunicações
  • Círculo de Belas Artes
  • Banco del Río de la Plata (Banco Central)
  • Hospital de Maudes
  • Gran Casino (1903), Madrid, em colaboracionismo com Joaquín Otamendi.
  • Edifício para a Sociedade de Autores (1923), Madrid.
  • Projecto de urbanização da Alcazabilla de Málaga (1927-1932).
  • Banco Mercantil e Industrial (1933-1945), Madrid.
  • Santuário da Gram Promessa (1942), Valladolid.

Galeria de imagens[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Antonio Palacios
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.