As Viagens de Marco Polo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Uma página de "As viagens de Marco Polo"

As Viagens de Marco Polo é o nome usual para o livro de viagens de Marco Polo, Il Milione (O Milione, abreviação para Emilione, o apelido de família de Marco). O livro é um diário de suas viagens ao longo da Rota da Seda até à China, que ele chama Cathay (norte da China) e Manji (sul da China). Polo ditou o livro a um escritor de romances, Rustichello da Pisa, enquanto estava preso em Génova de 1298-1299. É conhecido ainda pelos títulos de O Livro das Maravilhas ou simplesmente As Viagens.

As Viagens de Marco Polo é dividido em quatro livros. O primeiro livro descreve as terras do Oriente Médio e Ásia Central que Marco encontrou em seu caminho para a China. O segundo livro descreve a China e o tribunal de Kublai Khan. O terceiro livro descreve alguma das regiões costeiras do Leste: Japão, Índia, Sudeste Asiático, a costa leste da África. Por último, o quarto livro descreve algumas das guerras recentes entre os Mongóis e algumas regiões do Norte, como a Rússia.

As viagens era um raro sucesso popular em uma era anterior à impressão. Os livros foram traduzidos em muitas línguas européias durante a vida de Marco Polo, mas os manuscritos originais foram perdidos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre As Viagens de Marco Polo