Camelot 3000

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Camelot 3000
Comic image missing-pt.png
Editora DC Comics
Publicação
Formato de publicação Mini-série
Publicação original Dezembro de 1982
Última Publicação Abril de 1985
Qte. de edições 12
Equipe criativa
Argumentista(s) Mike W. Barr
Desenhista(s) Brian Bolland
Arte-finalista(s) Bruce Patterson
Dick Giordano
Terry Austin
Colorista(s) Tatjana Wood
Projecto Banda Desenhada  · Portal da Banda Desenhada

Camelot 3000 é uma história em quadrinhos escrita por Mike W. Barr e com a arte de Brian Bolland, e publicada pela DC Comics em 1982-1985 como um de seus primeiros projetos e sua segunda maxi-série.

Mostra as aventuras do Rei Arthur, Merlin e os reencarnados Cavaleiros da Távola Redonda e como eles ressurgiram no mundo futurístico de 3000 para lutar contra uma invasão alienígena comandada por ninguém menos que Morgana Le Fay.

Arthur, Guinevere, e Lancelot são apresentados mais ou menos tradicionalmente como um condenado triângulo amoroso. Sir Galahad é transformado de cavaleiro cristão em samurai e devotado aos ensinamentos do bushido. Sir Percival, é geneticamente alterado em um monstruoso gigante, mas que mantém a personalidade gentil. Sir Kay revela que sua principal característica está no fato de reduzir as tensões entre os membros da corte de Arthur, fazendo-os se unirem em uma mútua antipatia por ele. Mordred é o filho de Morgana Le Fay (embora seja enganado por ela e não tome conhecimento disso).

O tratamento mais original no trabalho dos personagens arturianos reside na figura de Sir Tristão, que inesperadamente reencarna em uma mulher. Sua transformação o força a reexaminar seus conceitos pré-concebidos além de sua própria sexualidade. Seu relacionamento com Isolda é testado pela sua nova identidade, porém seu amor triunfa e as duas se tornam amantes.

Mike W. Barr e Brian Bolland receberam reconhecimento por seus esforços e trabalho em Camelot 3000, incluindo uma nomeação para o Jack Kirby Award por melhor série em 1985.

Publicação no Brasil[editar | editar código-fonte]

Camelot 3000 foi publicado pela primeira vez no Brasil pela Editora Abril entre 1984 e 1985 nas revistas SuperAmigos e Batman. [1] [2] Entre Setembro e Dezembro de 1988, a Editora Abril republicou em revista própria como mini-série de 4 partes. Em 2005, foi publicado pela Mythos Editora em Edição única. Em Setembro de 2010 a Editora Panini lança um encadernado de luxo (capa dura, papel pisa-brite) com mais de 320 páginas, edição única para colecionador.

Referências

  1. Camelot 3000: O Retorno do Rei (em português) site Sobrecarga (27 de novembro de 2003). Visitado em 02/10/2009.
  2. Capas de edições de Camelot 3000 (em português) Guia dos Quadrinhos. Visitado em 02/10/2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Banda desenhada da DC Comics é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.