Capela Nova

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Capela Nova - MG
"Ficou conhecida no fim do século XVIII como "Lagoa do Rancho" ou "Ranchinho da Lagoa"."

[[Ficheiro:
Bandeira da cidade de Capela Nova - MG
|125px|none|border|Bandeira de Capela Nova - MG]]
[[Ficheiro:
Brasão da cidade de Capela Nova
|85px|none|Brasão de Capela Nova - MG]]
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 2 de janeiro
Fundação 12 de dezembro de 1953
Gentílico capelanovense
Padroeiro(a) Nossa Senhora das Dores
CEP 36290 -000
Prefeito(a) Luiz Gonzaga da Silva (PT)
(2013–2016)
Localização
Localização de Capela Nova - MG
Localização de Capela Nova - MG em Minas Gerais
Capela Nova - MG está localizado em: Brasil
Capela Nova - MG
Localização de Capela Nova - MG no Brasil
20° 55' 22" S 43° 37' 04" O20° 55' 22" S 43° 37' 04" O
Unidade federativa  Minas Gerais
Mesorregião Campo das Vertentes IBGE/2008 [1]
Microrregião Barbacena IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Caranaíba, Carandaí, Senhora dos Remédios, Alto Rio Doce, Rio Espera Santana dos Montes
Distância até a capital 135 km
Características geográficas
Área 110,955 km² [2]
População 4,758 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 0,04 hab./km²
Altitude 825 m
Clima subtropical Cfa
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,712 alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 22 441,961 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 4 782,01 IBGE/2008[5]
Página oficial
Prefeitura www.capelanova.mg.gov.br

Capela Nova é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Sua população estimada em 2004 era de 4.874 habitantes.

População[editar | editar código-fonte]

Ano Urbana Rural Total
1970 1.442 3.844 5.286
1980 1.848 3.556 5.404
1991 2.031 3.109 5.140
2000 2.066 2.900 4.966
2010 4.755 2.860 7.615

Distância aos principais centros (Km)[editar | editar código-fonte]

Barbacena 65
Belo Horizonte 135
Rio de Janeiro 325
São Paulo 580
Brasília 865
Vitória 550

História[editar | editar código-fonte]

Em 1790, segundo o historiador padre Pe. José Duarte de Souza, o Senhor Manoel de Souza Maia, fazendeiro da região, pediu permissão à Sé de Mariana para a construção da capela dedicada a Nossa Senhora das Dores, localizada atrás da serra da Pedra Menina, sendo freguesia de Queluz. Surge, desse modo, o arraial de "Capela Nova das Dores" ou, simplesmente, "Dores". No entanto, consta no registro de Provisões, nas Ordens Régias e no Arquivo Eclesiástico de Mariana, o requerimento feito por Antônio dos Santos Couto, a fim de nomear o povoado como Dores da Pedra Menina. Quando se planejava a construção do templo na região, Capela Nova já era bastante populosa, com cerca de 72 famílias, em fins do século XVIII. Em 1856, foi criada a freguesia. Em 1864, a paróquia foi transferida para o arraial do Glória, com a denominação de Nossa Senhora do Glória, sendo restaurada em 1870. O decreto de 17 de dezembro de 1938 reduziu a denominação de Capela Nova das Dores para Capela Nova. Em 12 de dezembro de 1953, foi criado o município de Capela Nova, desmembrando-se de Carandaí.

(História e Genealogia de Capela Nova das Dores - Pe. José Duarte de Souza, págs 1,2 e3)

Principais festividades[editar | editar código-fonte]

  • Festa do Capelanovense Ausente: Todo ano na segunda quinzena do mês de julho acontece a festa mais popular da cidade, sempre com atrações como Engenheiros do Havai e Zé Ramalho, ocorre na praça central, gratuitamente.
  • Festa Capegalo (festa dos atleticanos) e natal beneficente: segundo domingo de dezembro.
  • CapelaFolia: O carnaval de Capela Nova recebe os foliões com blocos caracterizados, shows e festas animadas durante todos os dias do evento.

Esporte[editar | editar código-fonte]

A cidade possui dois poliesportivos e um estádio de futebol. Os três times mais tradicionais de Capela Nova são o Fluminense Futebol Clube, Capela Nova Esporte Clube e o Fênix Futebol Clube (Categoria De Base Infantil e Juvenil).

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.