Carnaval de Oruro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Carnaval de Oruro é o maior evento cultural periódico da Bolívia. Foi declarada uma Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade em 2001 pela UNESCO.

História[editar | editar código-fonte]

Celebrado em Oruro, a capital folclórica da Bolívia, o carnaval marca o festival Ito, dos Urus. Sua cerimônia segue os costumes andinos tradicionais, baseados na invocação de Pacha Mama e do Tio Supay, sincretizados, respectivamente, nas figuras da Virgem Maria e o Demônio. A cerimônia Ito nativa, foi interrompida em meados do século XVII, pelos espanhóis (então comandantes das terras do Alto Peru), o que não impediu os Urus de continuar observando o seu festival, mascarado sob a forma de comemoração cristã. Eles comemoram em nome da Virgem Maria que misteriosamente apareceu em uma das minas de prata mais ricas de oruro.E é por isso que se chama carnaval de oruro.Sao mais de 28000 dancarinos vestidos com diversas fantasias,percorrem mais de 4 quilometros ate chegaram a uma igreja chamada Sanctuaria del Socavon,onde a festa termina.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Carnaval de Oruro
Ícone de esboço Este artigo sobre carnaval, integrado ao Projeto Carnaval é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.