Charles Ponzi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Charles Ponzi
Charles Ponzi.jpg
Nome Carlo Pietro Giovanni Guglielmo Tebaldo Ponzi
Nascimento 30 de março de 1882
Lugo, Emília-Romanha
Morte 18 de Janeiro de 1949 (66 anos)
Rio de Janeiro, Brasil
Nacionalidade Itália italiano
Crime(s) falsificação, estelionato

Charles Ponzi, nascido Carlo Ponzi (Lugo, 3 de março de 1882Rio de Janeiro, 19 de janeiro de 1949), foi um estelionatário italiano radicado nos Estados Unidos, conhecido por ter elaborado a maior fraude do século XX, estimada em 50 bilhões de dólares americanos.[1] [2]

O italiano emigrou para os Estados Unidos em 1903 depois de abandonar os estudos na Universidade La Sapienza em Roma. Mudou-se para o Canadá onde foi condenado a três anos de prisão por falsificação de cheque bancário[1] . Retornou aos Estados Unidos onde se tornou um dos maiores trapaceiros de toda a história.

Usou diversos nomes durante suas vida de trapaças: Carlo Ponzi, Charles Ponei, Charles P. Bianchi e Carl.

Nos anos 1920, arrecadou aproximadamente 20 milhões de dólares de investidores interessados em seu modelo de negócios, que, basicamente, prometia lucros altos decorrentes da arbitragem com cupons postais de resposta intencionais.

A fraude por ele inventada, o "esquema Ponzi", continua a ser aplicada em versões repaginadas, como, por exemplo, o esquema Telexfree, o "ganhe dinheiro rápido na Internet", "ganhe dinheiro com imóveis na planta", "ganhe dinheiro lendo e-mails" etc.

Em Portugal, o caso Dona Branca foi o mais famoso exemplo deste esquema, com múltiplas vítimas.

No Brasil, três casos famosos foram: Avestruz Master[3] , de 1998, Fazendas Reunidas Boi Gordo[4] , de 2004 e TelexFree[5] de 2013.

Depois de ser deportado para a Itália, Ponzi emigrou novamente, desta vez para o Brasil, onde terminou seus dias na miséria.

Referências

  1. a b O italiano Ponzi, o inspirador da maior fraude do século, estimada em US$ 50 bilhões, Revista Oriundi 17/12/2008, consultado em 2009-07-26
  2. Paula Pacheco (18 dezembro de 2008). A história de Ponzi mostra que um dia a pirâmide cai O Estado de S. Paulo. Visitado em 2009-07-26.
  3. Relembrando o golpe do Avestruz Master Estadão (11/03/2013). Visitado em 2013-04-14.
  4. Fazendas Reunidas Boi Gordo Estadão (13/08/2009). Visitado em 2010-11-26.
  5. Telexfree - Ympactus Comercial Ltda Tribuna da Bahia (08/07/2013). Visitado em 2013-07-10.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • ZUCKOFF, Mitchell. Ponzi's Scheme: The True Story of a Financial Legend. Random House: New York, 2005. ISBN 1-4000-6039-7
  • Brasil, Ministério da Fazenda, Secretaria de Acompanhamento Económico. Nota Técnica nº 60.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.