Church Committee

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Church Committee é o nome da Comissão de Inquérito do Senado americano, que foi realizada em 1975 e presidida pelo senador estadunidense Frank Church (D-ID)[1] e que investigou várias atividades da Central Intelligence Agency (CIA)[2] , da Agência de Segurança Nacional (NSA)[3] e do Agência Federal de Investigação (FBI), dentre elas experiências ilegais em seres humanos, violações de domicílios e interceptações de comunicações sem autorização judicial, assassinatos e outras atividades do governo americano depois que algumas delas foram reveladas pelo escandalo Watergate.[4]

Relatorio do Commitee - Projeto MKULTRA

Investigações[editar | editar código-fonte]

Documentos do MKULTRA revelados pelas investigacoes - Experimentos com LSD
COINTELPRO - Documentos da Investigacao de John Lennon

Foram muitas as investigacoes do Committee, as mais importantes e que provocaram maiores escandalos estāo ligadas às revelações dos Programas MKULTRA da CIA[5] e do programa COINTELPRO[6] [7] do FBI.

Em 1975 as atividades do COINTELPRO uma das muitas atividades da CIA[8] e FBI foram apenas algumas das investigadas pelo Church Committee. Todas as atividades do programa COINTELPRO de Edgar Hoover, foram consideradas ilegais.[9]

CIA Experiments

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre espionagem é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre direitos humanos é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.