Cité du Cinéma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cité du cinéma (Cidade do Cinema, em francês) é um complexo cinematográfico localizado em em Seine-Saint-Denis, subúrbio popular do norte de Paris, na França.

Entrada prinicpal da Cité du Cinéma

Histórico[editar | editar código-fonte]

Vista do interior da Cité du Cinéma

Inaugurado em 21 de setembro de 2012 pelo cineasta francês Luc Besson - que realizou um antigo sonho seu - o complexo cinematográfico possui 62 mil metros quadrados e foi construído em uma antiga central elétrica. O complexo está avaliado em € 180 milhões (cento e oitenta milhões de euros) e já é chamado de "Hollywood francesa". Estiveram presentes à inauguração grandes nomes do cinema internacional tais como Sophie Marceau, Jean Dujardin, Jamel Debbouze, Alain Terzian, Robert de Niro, Tommy Lee Jones e Michelle Pfeiffer. A Cidade do Cinema foi recebida com entusiasmo pelos moradores da região, pois o complexo fica numa área de elevado desemprego entre os jovens, muitos deles descendentes de imigrantes, que agora podem sonhar com um emprego na indústria cinematográfica. Besson já trabalha no local onde realiza atualmente o filme Malavita, com os atores Robert de Niro, Tommy Lee Jones e Michelle Pfeiffer e que tem estréia prevista para 2013.[1] [2] [3] [4]

Figuras[editar | editar código-fonte]

  • Uma área de 62 000 m² na área de "Carrefour Pleyel" :
    • 477 lugares para estacionamento.
    • 2 200 m² para a sala de projeção : 500 lugares para profissionais. O palco tem 18 metros de comprimento e sete metros de altura. Projeção de vídeo 3D. Arquiteto: Atelier Touchard.
    • 3 800 m² para o restaurante : 1 200 lugares, refeitório, ginásio, cinco bufês diferentes, um prato chega à mesa e uma capacidade de 1 000 pessoas por hora, com a opção de comer fora em um terraço 600 metros quadrados. Ele pode acomodar até 500 pessoas sentadas e 1 000 pessoas para cocktails.
    • 4 000 m² para escritórios: carpintaria, oficina de pintura, o modelo de oficina, o serralheiro, a loja de luz, loja de câmeras, máquinas, os fabricantes de escritório, escritórios de produção, vestiários atores camarotes, mais espaçoso, vai estar lá em cima. Na frente dos caixas : vestir - Maquiagem - cabeleireiro, costura fantasias e mais dentro do edifício, o espaço de armazenamento ea estrutura de pós-produção Digital Factory na montagem imagem.
    • 6 000 m² para a nave : 282 metros de comprimento, 30 metros de largura e 25 metros de altura. Ele pode acomodar até 4 500 pessoas.
    • 8 000 m² para a "École Louis Lumière".
    • 9 500 m² há 9 estúdios : a 600 metros quadrados Studio 8, 800 metros quadrados para apartamentos de 1, 2 e 7, 1 000 m² para o estúdio 6, 1 100 metros quadrados para apartamentos 3 e 4, 1 300 m² para Studio 9 e 2 000 m² para o estúdio 5 de 20 metros. 5 piscinas de 150 m² estúdios para 2, 3, 7 e 9 e 420 m² para o estúdio 5 uma profundidade de 3 metros. Os pisos são de madeira estúdios 1, 2, 3, 7 e 8 e concreto polido para apartamentos de 4, 5, 6 e 9. Todas as bandejas são equipadas com uma grelha técnica estendido sobre toda a superfície da placa de aquecimento e ar condicionado (duas plantas redistribuir ar frio ou quente gelada em todos os tabuleiros). Eles podem acomodar até 1500 pessoas em convenção ou à noite.
    • 19 000 m² para a sede "EuropaCorp".
  • Um custo de 140 000 000 € : 130 milhões pela "Caisse des Dépôts" e 10 milhões de Vinci.
  • Arquiteto escritório : Reichen et Robert - Diretor: Jean François Authier.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]