Crotone

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Crotone
Crotone Lungomare.jpg
Localização de Crotone
País  Itália
Região Flag of Calabria.svg Calábria
Província Crotone
Administração
 - Prefeito Peppino Vallone (PD) de 28 de maio de 2006
Área
 - Total 179 km²
Altitude 8 m (26 pés)
População
 - Total 60,517 (censos 2 004)
    • Densidade 333,7/km2 
Código Postal 88900
Código ISTAT 101010
Comunas limítrofes Cutro, Isola di Capo Rizzuto, Rocca di Neto, Scandale, Strongoli
Prefixo telefônico 0962
Fiscal D122
Orago padroeiro São Dionísio
Sítio http://www.comune.crotone.it/

Crotone ou Crotona é uma comuna italiana da região da Calábria, província de Crotone, com cerca de 60.517 (censimento 2004) habitantes. Estende-se por uma área de 179 km², tendo uma densidade populacional de 333,7 hab/km². Faz fronteira com Cutro, Isola di Capo Rizzuto, Rocca di Neto, Scandale, Strongoli.[1] [2] [3]

História[editar | editar código-fonte]

Fundação[editar | editar código-fonte]

Crotona (em grego: Κρότων; em latim: Crotona) foi fundada por um aqueu corcunda de nome Micelo, com ajuda de Árquias, o fundador de Siracusa[4] . Crotona foi fundada depois de Síbaris[4] . A cidade foi fundada no terceiro ano da 17a olimpíada[5] .

O nome de Crotona se deve a um habitante local, que hospedou Héracles[6] . Micelo, filho do argivo Alemon, teve um sonho em que Héracles o mandava fundar a cidade[6] . A cidade foi fundada onde havia o túmulo de Croton[7] .

Cidade estado[editar | editar código-fonte]

Foi importante centro cultural e político e disputou a hegemonia da região com sua cidade rival, chamada Síbaris. A cidade de Crotona também foi importante para a filosofia: Pitágoras passou um tempo razoável na cidade e parece ter influenciado na vida política e Filolau, que revelou aspectos secretos do pitagorismo em um livro, também era desta cidade.

Há indícios de que um grande atleta grego, conhecido como Mílon de Crotona tenha nascido nesta ilha[4] . Ele competiu em várias edições dos Jogos Olímpicos da Antiguidade, sendo campeão por cinco vezes consecutivas na luta livre. Segundo a lenda, ele treinava carregando um bezerro amarrado sobre seus ombros, que crescia à medida que o tempo passava, levando Milo a desenvolver sua força para carregar um bezerro cada vez mais pesado[8] [9] . E assim teria sido até que, na idade adulta, ele teria sido visto várias vezes carregando nada menos do que um touro nas costas.

Referências

  1. Statistiche demografiche ISTAT (em italiano). Dato istat.
  2. Popolazione residente al 31 dicembre 2010 (em italiano). Dato istat.
  3. Istituto Nazionale di Statistica (em italiano). Statistiche I.Stat.
  4. a b c Antíoco, citado por Estrabão, Geografia, Livro IV, Capítulo 1, 12 [fr] [en] [en] [en]
  5. Dionísio de Halicarnasso, Das antiguidades romanas, Livro II, 59.3 [em linha]
  6. a b Ovídio, Metamorfoses, Livro XV, 1-29, Micelo constroi a cidade de Crotona [em linha]
  7. Ovídio, Metamorfoses, Livro XV, 41-59, Micelo constrói a cidade de Crotona
  8. Climbing: Training for Peak Performance. 2 ed. [S.l.]: The Mountaineers Books, 2008. p. 131. ISBN 9781594850981
  9. Human biology. 5 ed. [S.l.]: Jones & Bartlett Publishers, 2005. p. 229. ISBN 9780763728991


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Itália é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.