Dylan Thomas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde dezembro de 2009)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Dylan Thomas
Nome completo Dylan Marlais Thomas
Nascimento 27 de outubro de 1914
Swansea, País de Gales
 Reino Unido
Morte 09 de novembro de 1953
Nova Iorque, Estados Unidos
Local de nascimento de Dylan Thomas.

Dylan Marlais Thomas (Swansea, 27 de outubro de 1914Nova Iorque, 9 de novembro de 1953) foi um poeta galês.

Dylan Thomas' statue in Swansea

Biografia[editar | editar código-fonte]

Seu pai era professor da escola primária local e costumava lhe recitar Shakespeare antes que ele pudesse ler.

Apesar de tanto seu pai e sua mãe falarem galês, tanto Dylan como sua irmã nunca aprenderam a língua e Dylan escreveu exclusivamente em inglês.

Fascinado pela língua, ele se destacou em inglês e literatura, porém negligenciava as outras matérias, largando a escola com dezessete anos para se tornar repórter junior no Daily Post.

Em dezembro de 1932, ele deixou o trabalho e decidiu concentrar-se na sua poesia em tempo integral. Foi durante esse tempo, que Thomas escreveu mais de metade dos seus poemas.

Em 1934, quando Thomas tinha vinte anos, mudou-se para Londres, ganhou o prêmio Poet's Corner livro, e publicou seu primeiro livro, 18 Poemas, com grande sucesso. O livro era uma coleção de cadernos de poesia que Thomas tinha escrito anos antes, assim como muitos de seus livros mais populares. Durante este período de sucesso, Thomas começou também o hábito de abuso de álcool.

Ao contrário de seus contemporâneos, Thomas Stearns Eliot e W.H. Auden, Thomas não estava preocupado com a exibição de temas de questões sociais e intelectuais, e sua escrita, com o seu lirismo intenso e altamente carregada emoção, tem mais em comum com a tradição romântica. Seus poemas demonstravam influências célticas, bíblicas e do surrealismo inglês.

Aos 35 anos, em 1950, o poeta visitou os Estados Unidos pela primeira vez. Teatral, romântico e dado a porres homéricos, ele se tornou uma figura lendária nos EUA e isso ajudou sua divulgação para o mundo. Thomas tornou-se um ídolo para a geração dos poetas da chamada Geração Beat.

Ele arrebatava platéias com sua voz grave ao ler seus versos em teatros e universidades. Sua influência se espraiou até a música pop. Sabe-se que o jovem cantor e compositor americano Robert Allen Zimmerman adotou o nome Bob Dylan em homenagem ao bardo galês.

Dylan Thomas morreu de alcoolismo, aos 39 anos. Consta que, no dia de sua morte, já com sérios problemas de saúde, ele teria ingerido 18 doses de uísque.

Obras[editar | editar código-fonte]

Poemas
  • 18 Poems, 1934
  • 25 Poems, 1936
  • Twenty-Six Poems (1950)
  • In Country Sleep 1952
  • The Map of Love, 1939
  • Deaths and Entrances, 1946
  • In Country Sleep, 1952
Prosa
  • Collected Letters
  • Collected Stories
  • Portrait of the Artist as a Young Dog (1940 Dent)
  • Quite Early One Morning (posthumous)
  • Adventures In The Skin Trade And Other Stories (1955, posthumous)
  • Selected Writings of Dylan Thomas (1946) [OOP]
  • A Prospect of the Sea (1955) [OOP]
  • A Child's Christmas in Wales (1955)
  • Letters to Vernon Watkins (1957)
  • Rebecca's Daughters (1965)
  • After the Fair
  • The Tree
  • The Dress
  • The Visitor
  • The Vest
Drama
  • Under Milk Wood
  • The Doctor and the Devils and Other Scripts (1953)

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • A Enciclopédia Vol.19 ISBN 972-22-2311-9
  • George Tremlett, Dylan Thomas: In the Mercy of His Means (London: Constable, 1991)
  • David N. Thomas, Fatal Neglect: Who Killed Dylan Thomas?

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um(a) escritor(a), poeta ou poetisa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.