Eduardo Maglioni

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Eduardo Andrés Maglioni (Reconquista, 14 de abril de 1946) é um ex-futebolista argentino.

É um dos maiores ídolos da história do Independiente, onde jogou 148 partidas entre 1969 e 1973, marcando 62 gols. Maglioni detém até hoje um recorde mundial: em 18 de março de 1973, na terceira rodada do Torneio Metropolitano do campeonato argentino, marcou três gols em 113 segundos. O adversário foi o Gimnasia y Esgrima La Plata.[1]

Chegara ao Rojo com a difícil tarefa de substituir os goleadores Luis Artime e Héctor Yazalde. Seu oportunismo e a habilidade ambidestra lhe fizeram outro especialista na grande área. Nos quatro anos em que esteve nos diablos, ganhou dois títulos argentinos, duas Libertadores, uma Interamericana e a primeira Intercontinental do clube, em 1973.[1] Mostrou-se especialmente decisivo na primeira dessas Libertadores, marcando os dois gols de seu time na final, contra os peruanos do Universitario.[2]

Referências

  1. a b POMATO, Alberto (abril de 2011). Eduardo Maglioni. El Gráfico Especial n. 29 - "100 Ídolos de Independiente". Revistas Deportivas, p. 115
  2. STOKKERMANS, Karel (6 de setembro de 2004). Copa Libertadores de América 1972 RSSSF. Página visitada em 3 de setembro de 2011.