Empreendedorismo social

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Empreender significa mudar uma realidade em que se esta inserido, ser feliz trabalhando com seu próprio empreendimento e buscar sucesso com ele, mas nem sempre a palavra “Empreender” vem acompanhada da palavra “Lucro” ou “ganhos Financeiros”, os objetivos podem ser outros, ajudar um certo grupo de pessoas, uma comunidade, uma classe social, sem visar o lucro monetário, mas sim algo de valor muito maior, um conhecimento adquirido, uma ajuda, um auxilio e com isso conseguir tornar as pessoas e a comunidade melhor.

De maneira mais ampla, o termo pode se referir a qualquer iniciativa empreendedora feita com o intuito de avançar causas sociais e ambientais. Essa iniciativa pode ser com ou sem fins lucrativos, englobando tanto a criação de um centro de saúde com fins lucrativos em uma aldeia onde não exista nenhuma assistência à saúde, como a distribuição de remedios gratuitos para a população pobre.

Descrição[editar | editar código-fonte]

O empreendedor social visa a maximização do capital social (relações de confiança e respeito) existente para realizar mais iniciativas, programas e ações que permitam para uma comunidade, cidade ou região se desenvolverem de maneira sustentável. Ele faz esses avanços disseminando tecnologias produtivas, aumentando a articulação de grupos produtivos e estimulando a participação da população na esfera política, ampliando o "espaço público" dos cidadãos em situação de exclusão e risco.

Para tanto utiliza técnicas de gestão, inovações produtivas, técnicas de manejo sustentável de recursos naturais e criatividade para fornecer produtos e serviços que possibilitem a melhoria da condição de vida das pessoas envolvidas e beneficiadas, através da ação dos empreendedores sociais externos e internos a comunidade.

Empreendedorismo Social em Portugal[editar | editar código-fonte]

O empreendedorismo social é um tema cada vez mais em voga em Portugal. Com efeito, tem sido bastante visado nos últimos tempos tanto pela comunicação social, como pela população em geral.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]