Espinho (zoologia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Janeiro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Em zoologia, um espinho é cada um dos pêlos diferenciados, rígidos e pontiagudos, que revestem o corpo de alguns mamíferos, como o ouriço, ou pode ainda se referir a cada um dos processos pontiagudos e móveis do tegumento externo do ouriço-do-mar, utlizados para locomoção e defesa.

Muitas espécies de peixes, para além de possuírem espinhos ósseos em placas que cobrem o corpo, podem ainda ter espinhos como suporte das barbatanas e ainda raios de queratina, que são escamas modificadas, denominados lepidotríquias.

Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.