Gallifrey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Gallifrey é um planeta fictício da série de televisão Doctor Who[1] . É o planeta natal do Doutor e dos Senhores do Tempo. Ele está localizado em um sistema estelar binário dentro da constelação de Kasterborous, em "coordenadas galáctico 10-0-11-0-0 por 0-2 de zero de Centro de Galáctico, que está a cerca de 250 milhões de anos-luz de distância da Terra." O planeta extinguiu-se na batalha travada entre os senhores do tempo e uma espécie alienígena muito poderosa - os Daleks. O extinto planeta e os seus antigos habitantes tornam-se, assim, quase uma lenda. Dessa lenda, é nosso testemunho O Doutor, personagem protagonista da série e, aparentemente, o último sobrevivente de Gallifrey.

Durante a primeira década da série, o nome do planeta natal do Doutor não foi revelado, embora tenha sido mostrado pela primeira vez em The War Games (1969) durante o julgamento do doutor. Foi identificado pelo nome, pela primeira vez em The Time Warrior (1973).

Exilado pela sua própria comunidade, o Doutor voltou a Gallifrey apenas em algumas ocasiões – nos arcos The Deadly Assasin (1976), The Invasion of Time (1978), Arc of Infinity (1983) The Five Doctors (1983) e the day of the doctor (2013)[2] .

Na nova série (2005), foi implícito que Gallifrey foi destruído junto com o Império Dalek, pelo Doutor durante a Time War. O planeta não foi referido pelo nome até o Especial de Natal de 2006, e desempenhou um papel importante na trama de The End of Time. Foi visto brevemente em The Name of The Doctor (2013), mostrando o momento em que o primeiro Doutor e Susan roubam a TARDIS.

Referências

  1. name="whovians"
  2. name="whovians"