Gorro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox grammar.svg
Esta página ou secção precisa de correção ortográfico-gramatical.
Pode conter incorreções textuais, podendo ainda necessitar de melhoria em termos de vocabulário ou coesão, para atingir um nível de qualidade superior conforme o livro de estilo da Wikipédia. Se tem conhecimentos linguísticos, sinta-se à vontade para ajudar.
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Gorro é um subtipo do chapéu árabe, ou Barreto. É de formato redondo, sem abas, que cobre as orelhas e, é usado tanto por homens como por mulheres ou crianças, para proteger contra o frio. Geralmente é feito de malha, tanto a industrializada como a tecida manualmente, como o tricô ou crochê.

Existem variações nos gorros: alguns podem ser amarrados embaixo do queixo e, outros, chamados balaclavas, cobrem completamente o rosto e o pescoço, deixando a descoberto apenas os olhos e às vezes a boca, sendo usados principalmente por militares, agentes de polícia, alpinistas, esquiadores, motociclistas e também por criminosos.[1]

Nos países em que o frio é muito intenso, os gorros podem ser feitos de peles ou de outro material, como couro, e são forrados com peles.

Galeria de gorros[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Gorro e touca Bendito Benedito. Visitado em 20 de Outubro de 2012.