Informante

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Um representante do Departamento de Estado dos Estados Unidos parabeniza e oferece um pagamento parcial para um informante, cuja informação levou à neutralização de um terrorista nas Filipinas.

Um informante é um membro de um grupo social fechado (uma organização criminosa, uma comunidade indígena, um grupo social marginalizado, uma agência de segurança, etc.) que fornece informações privilegiadas sobre este grupo ou organização a uma pessoa ou outra organização que está fora do grupo. De uma maneira menos formal, um informante pode ser um membro de uma organização criminosa, um bando ou outro grupo fora da lei ou perseguido pelas autoridades civis ou militares, que dá informações às autoridades sobre o grupo em seu conjunto ou sobre alguns de seus membros.

O termo é geralmente usado dentro do meio policial, em que são oficialmente conhecidos como informantes confidenciais ou informantes criminais, e muitas vezes podem se referir pejorativamente ao fornecimento de informações sem o consentimento de outras partes com o intuito malicioso, pessoal ou ganho financeiro.[1] No entanto, o termo é usado em política, indústria e academia. [2] [3]

Informantes famosos[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. The Weakest Link: The Dire Consequences of a Weak Link in the Informant Handling and Covert Operations Chain-of-Command by M Levine. Law Enforcement Executive Forum, 2009
  2. Pursuing strategic advantage through political means: A multivariate approach by DA Schuler, K Rehbein, RD Cramer – Academy of Management Journal, 2002
  3. Reading English for specialized purposes: Discourse analysis and the use of student informants by A Cohen, H Glasman, PR Rosenbaum-Cohen, J. Tesol Quarterly, 197