La Nación

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
La Nación
Periodicidade diariamente
Formato standard
Fundador(es) Bartolomé Mitre
Diretor Bartolomé Mitre
Fundação 1870
Orientação política conservador, direita, liberalismo
Idioma espanhol
Sede Buenos Aires, Argentina
Circulação 160 mil
Página oficial lanacion.com.ar

La Nación é um jornal diário argentino com sede em Buenos Aires. Foi fundado em 4 de janeiro de 1870 pelo presidente Bartolomé Mitre. O jornal tem tiragem de 160 mil exemplares de segunda-feira a sábado e de 250 mil aos domingos.[1]

Orientação ideológica[editar | editar código-fonte]

O La Nación, é considerado a principal liderança da direita conservadora do país, tendo sido historicamente uma via de expressão dos setores da Igreja Católica, das Forças Armadas da Argentina, e também dos ruralistas argentinos. Tem o diário Clarín, de centro-direita, como seu maior concorrente.[2]

Referências

  1. Dados do Instituto Verificador de Circulaciones de agosto de 2008.
  2. Revista Veja, ISSN 0100-7122, edição 2294, 7 de novembro de 2012, p. 17-21.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: La Nación
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.