Like Moths to Flames

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Like Moths to Flames
Informação geral
Origem Colombus, Ohio
País  Estados Unidos
Gênero(s) Metalcore
Período em atividade 2010 - atualmente
Gravadora(s) Rise Records
Afiliação(ões) Emarosa, The Crimson Armada, Agraceful, Legion, Corpus Christi, TerraFirma, To The Lions, My Ticket Home
Página oficial Like Moths to Flames no Facebook
Integrantes Chris Roetter
Aaron Evans
Zach Huston
Eli Ford
Greg Diamond
Ex-integrantes Lance Greenfield
Aaron Douglas
Joardan Matz
Kevin Rutherford

Like Moths to Flames é uma banda de metalcore americana de Colombus, Ohio formada em 2010. A banda lançou um álbum completo pela Rise Records.

História[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Formada em Columbus, Ohio, no início de 2010, o vocalista Chris Roetter formou a banda depois de ser vocalista da banda Agraceful por um curto período de tempo, e também da Emarosa. A formação foi estabilizada, e a banda lançou um single intitulado "Dead Routine" em 7 de fevereiro de 2010.

Sweet Talker e Rise Records (2010)[editar | editar código-fonte]

Em 17 de outubro de 2010 foi anunciado que Like Moths to Flames tinha assinado com a Rise Records e já estavam trabalhando em seu primeiro EP. Dois meses depois, a banda lançou seu EP intitulado "Sweet Talker" em 14 de dezembro de 2010.[1] Para ajudar a apoiar a sua nova música, a banda começou a apoiar as bandas, Texas in July e A Hero A Fake na turnê "A Metal Christmas" durante o final de 2010. Um pouco antes do EP ser lançado, o baterista Jordan Matz saiu da banda, e foi substituído por Lance Greenfield.

When We Don't Exist e saída de Douglas, Greenfield, e Rutherford (2011-atualmente)[editar | editar código-fonte]

Com uma turnê contínua até 2011, a banda decidiu entrar em estúdio para gravar o seu primeiro álbum de estúdio. Logo antes da banda entrar em estúdio, o baixista Aaron Douglas deixou a banda. Eli Ford (anteriormente do My Ticket Home) entrou no lugar de Douglas na guitarra e Aaron Evans mudou-se para o baixo. Em 31 de agosto de 2011, foi anunciado que o álbum seria intitulado "When We Don't Exist" e seria lançado no início de novembro. Depois de terminar a produção. "When We Don't Exist" foi lançado em 8 de novembro de 2011 pela Rise Records. Em janeiro de 2012 a banda entrou na turnê S.I.N. com as bandas de apoio D.R.U.G.S., Hit the Lights e Sparks the Rescue de suporte ao álbum. Logo depois, eles excursionarão com as bandas Texas in July e Hundredth.[2]

O baterista Lance Greenfield foi expulso da banda no início de 2012, e foi temporariamente substituído pelo ex-baterista do Legion Kevin Rutherford. Kevin foi então substituído por Greg Diamond, ex-baterista do The Air I Breathe, por razões desconhecidas.[3]

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Atuais
  • Aaron Evans – baixo, vocal de apoio (2011–presente) guitarra base (2010–2011) (ex-TerraFirma)
  • Zach Huston – guitarra principal (2010–presente) (ex-TerraFirma)
  • Chris Roetter – vocal (2010–presente) (ex-Agraceful e Emarosa)
  • Eli Ford – guitarra base (2011–presente) (ex-My Ticket Home)
  • Greg Diamond - bateria (2012-presente) (ex-The Air I Breathe)
Ex-Integrantes
  • Aaron Douglas – baixo, vocal de apoio (2010–2011)
  • Lance Greenfield – bateria, percussão (2011–2012) (agora no The Lions)
  • Jordan Matz - bateria, percussão (2010-2011) (agora no The Crimson Armada)
  • Kevin Rutherford – bateria, percussão (2012) (ex-Legion)

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbums de estúdio
.     An Eye For An Eye (Rise Records/Nuclear Blast 2013)
EPs
  • Sweet Talker (Rise Records, 2010)

Referências

  1. Like Moths to Flames - Sweet Talker EP absolutepunk.
  2. D.R.U.G.S. and Hit the Lights headline the S.I.N. Tour thronebuzz.com.
  3. Diamond, Greg. G. Diamond Announces Joining of LMTF. Twitter. Visitado em 1 de Outubro de 2012.