Literatura de viagem

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Literatura de viagem é gênero literário que consiste geralmente em uma narrativa acerca das experiências, descobertas e reflexões de um viajante durante seu percurso. O texto exibe geralmente uma coerência narrativa ou estética, de modo que a aventura pessoal do autor assume uma dimensão bem mais ampla, universal, diferenciando-se dos diários de viagem ou diários de bordo , que se caracterizam pelo simples registro de datas e eventos.

Geralmente baseada em relatos de viagens reais, a narrativa pode também ser ficcional, como acontece em "As Viagens de Gulliver", de Jonathan Swift. Entre os muitos exemplos famosos de literatura de viagem estão "As Viagens" de Marco Polo, ou a "Peregrinação" de Fernão Mendes Pinto.

Referências

  • Batten, Charles Lynn, Pleasurable Instruction: Form and Convention in Eighteenth Century Travel Literature (1978)
  • Chatzipanagioti, Julia: Griechenland, Zypern, Balkan und Levante. Eine kommentierte Bibliographie der Reiseliteratur des 18. Jahrhunderts. 2 Vol. Eutin 2006. ISBN 3981067428
  • Speake, Jennifer (2003), ed. Literature of Travel and Exploration: An Encyclopedia. 3 vol. [N.p.]: Routledge. ISBN 1-57958-247-8.
  • Stolley, Karen. El lazarillo de ciegos caminantes: un itinerario crítico. Ediciones del Norte. (1992)
  • Fussell, Paul Jr. "Patrick Brydone: The Eighteenth-Century Traveler as Representative Man." Literature as a Mode of Travel. New York Public Library Bulletin. (1963)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikcionário
O Wikcionário possui o verbete itinerary.
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Literatura de viagem