Museu Rodin Bahia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O Palacete das Artes.

O Museu Rodin Bahia, também chamado de Palacete das Artes Rodin Bahia, é um museu baiano localizado no bairro soteropolitano da Graça. O primeiro e o segundo piso do museu são dedicados às coleções do escultor francês Auguste Rodin.[1] [2]

O museu foi instalado nas dependências do Palacete Comendador Bernardo Martins Catharino, também chamado de Palacete Comendador Catharino e Palacete Martins Catharino, em Salvador.[3] O responsável pela idealização do museu é o artista plástico baiano Emanoel Araújo, coordenador das exposições Rodin e ex-diretor da Pinacoteca de São Paulo, numa parceria com o diretor do Museu Rodin Paris Jacques Vilain.[3] [4] O museu fortaleceu os laços artísticos e culturais entre a França e a Bahia e tornou-se um dos três grandes vetores das artes plásticas na Bahia, ao lado do MAB e do MAM-BA.[3]

O desenho arquitetônico para o restauro do palacete para abrigar o museu foi dos arquitetos Marcelo Ferraz e Francisco Fanucci.[5]

Acervo[editar | editar código-fonte]

Logo no início, o museu comprou quatro obras em bronze do museu Rodin francês ao preço de R$ 3,30 milhões.[6] "O Homem que Anda sobre a Coluna", "Jean de Fiènnes Nu", "A Mártir" e "Torso de Sombra" são elas e ficaram dispostas no jardim do Palácio.[6]

Além deles, o museu receberá 62 obras em regime de comodato com o Museu Rodin de Paris até julho deste ano (2009). A negociação foi iniciada em 2007 mas só foi concluída neste ano, em razão da necessidade de ser reiniciada com a mudança de governo na França].[7] Elas estão expostas nos suntuosos salões do palacete.[7]

O museu também abriga exposições temporárias[8] , tal como a A Pele dos Filhos de Gea, uma mostra de 50 fotografias e quatro esculturas das espanholas Isabel Muñoz e Maribel Doménech que passou pelo museu em agosto de 2007[9] .

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Portal Vitruvius (11 de outubro de 2006). Museu Rodin Bahia (em português). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.
  2. Brasil: Arquitetura Contemporânea. Espaços culturais: Museu Rodin Bahia (em português). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.
  3. a b c REIBER, Eulâmpia. MUSEU RODIN BAHIA - Um complexo cultural de estímulo às artes plásticas (em português). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.
  4. CAIRO, Alena (8 de janeiro de 2007). Museu Rodin na Bahia (em português). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.
  5. ARCOweb. Relação entre edifícios de séculos diferentes dá mote ao desenho (em português). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.
  6. a b GIOIA, Mario (14 de junho de 2006 às 11h 04min). Museu Rodin Bahia será aberto no fim do ano (em português). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.
  7. a b CAIRO, Alena (8 de janeiro de 2007). Museu Rodin Bahia (em português). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.
  8. IPAC. Palacete das Artes Rodin Bahia (em português). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.
  9. Museu Rodin reabre dia 14 com exposição A Pele dos Filhos de Gea (em português) (9 de agosto de 2007). Visitado em 7 de fevereiro de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Museu Rodin Bahia