Número de Reynolds magnético

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O número de Reynolds magnético é um grupo adimensional que ocorre em magnetoidrodinâmica. Fornece uma estimativa dos efeitos da advecção magnética para a difusão magnética, e é tipicamente definido por:

R_m = \frac{U L}{\eta}

onde

  • U é uma típica escala de velocidade do fluxo
  • L é uma típica escala de comprimento do fluxo
  • \eta é a difusividade magnética

Características para grandes e pequenos R_m[editar | editar código-fonte]

Para R_m \ll 1, advecção é relativamente sem importância, e então o campo magnético tenderá a relaxar para um estado puramente difusivo, determinado pelas condições de contorno ao invés do fluxo.

Para R_m \gg 1, difusão é relativamente sem importância na escala de comprimento L. Linhas de fluxo do campo magnético são então sofrem advecção com o fluxo fluido, até ao momento que gradientes estão concentrados em regiões de escala de comprimento suficientemente pequena para que a difusão possa equilibrar a advecção.

Relação com o número de Reynolds e o número de Péclet[editar | editar código-fonte]

O número de Reynolds magnético tem uma forma silitar tanto no número de Péclet como no número de Reynolds. Todos os três podem ser considerado como fornecendo a razão de efeitos advectivos a difusivos de um determinado campo físico, e tem uma forma semelhante de uma velocidade multiplicando um comprimento divididos por uma difusividade. O número de Reynolds magnético é relacionado ao campo magnético em um fluxo MHD, enquanto o número de Reynolds é relacionado à velocidade do fluido em si, e o número de Péclet relacionado ao calor.

Os grupos adimensionais surgem na adimensionalização das respectivas equações governantes, a equação da indução, a equação de momento e a equação do calor.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]