Nell (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nell
Nell (BR)
 Estados Unidos
1994 • cor • 113 min 
Direção Michael Apted
Elenco Jodie Foster
Liam Neeson
Natasha Richardson
Género drama
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Nell é um filme estadunidense de 1994, do gênero drama, dirigido por Michael Apted.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Relata a história fictícia de uma garota que é encontrada numa casa afastada da cidade. Apesar de não poder ser considerada uma criança selvagem, ela não aprendeu a falar pois a mãe foi encontrada morta e tudo indicava que sofria de algum tipo de distúrbio neurológico, mas descobriu-se que fora efeito da criação isolada (após a morte de sua mãe e da sua irmã) e aprendizado da linguagem afásica de sua mãe, possível vítima de um AVC. O filme trata de uma mulher de cerca de 30 anos que foi criada na floresta longe de toda sociedade e civilização, tendo contato somente com a sua genitora e sua irmã gêmea falecida entre 6 a 10 anos de idade. A mãe de Nell sofreu derrame e por isso não possuía uma dicção adequada, era afásica, e se escondia do “mundo” provavelmente por ter sido foi vítima de estupro e não possuía parentes para lhe amparar.

Sendo assim, Nell viveu por trinta anos uma vida simples, e possuía um dialeto próprio inspirado nas dificuldades da fala da mãe e da própria vivência da moça, até ser descoberta pelo Dr Lovell no momento em que ele foi constatar a morte de sua mãe.

Daí, Nell se tornou um caso curioso e interessante para este doutor e tantos outros que ele solicitou ajuda e o filme concentra-se na decisão: - O que fazer com Nell ? Ela era capaz de viver sozinha na floresta? Deveria ser internada num hospital? Era autista, deficiente mental, louca?... A trama gira em torno desta decisão e os médicos Dr Lovell e Drª Paula (pisocóloga) tentam defender suas opniões, inicialmente antagônicas, mas durante a observação mudaram de opnião e tentaram um consenso.

A aproximação de Nell, provocou no médico e na psicóloga uma imersão para si mesmos, quando eles passaram a vislumbrar as possibilidades diferentes que eles próprios poderiam ter em relação a sua própria vida.

Na penúltima cena, os personagens estão no tribunal decidindo o que fazer da vida da “Mulher Selvagem” é quando Nell decide se expressar em seu dialeto e o Dr Lovell serve de interpréte, neste momento fica clara a desenvoltura, a maturidade e a autonomia dela. Sendo assim, a personagem principal consegue provar que é capaz de viver sozinha e na cena final, ela já está em sua casa na floresta comemorando seu aniversário com os amigos.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Premiações[editar | editar código-fonte]

O filme recebeu uma indicação ao Oscar, na categoria de melhor atriz (Jodie Foster), além de receber três indicações ao Globo de Ouro de melhor filme - drama, melhor atriz - drama (Jodie Foster) e melhor trilha sonora.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.