Pontifícia Universidade da Santa Cruz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pontifícia Universidade da Santa Cruz em Roma

A Pontifícia Universidade da Santa Cruz é uma instituição universitária com sede em Roma erigida pela Santa Sé, em 9 de janeiro de 1990, para o ensino eclesiástico. Possui hoje os cursos de Teologia, Direito Canônico, Filosofia e Comunicação Social Institucional. É integrada ainda pelo Instituto Superior de Ciências Religiosas no Apolinário. Os títulos acadêmicos que confere, bacharelado, licenciatura e doutorado, têm plena validade canônica.

A Pontifícia Universidade da Santa Cruz responde ao desejo de São Josemaria Escrivá, fundador do Opus Dei, promover em Roma um centro de estudos universitários que desenvolvesse, ao serviço de toda a Igreja, um amplo e profundo trabalho de pesquisa e de formação na ciência eclesiástica, cooperando, de acordo com a sua peculiar função, com a missão evangelizadora da Igreja no mundo inteiro. O seu sucessor Álvaro del Portillo, obtendo a necessária aprovação da Santa Sé, pôs em prática esse desejo a partir do ano acadêmico de 1984/1985.

A Pontifícia Universidade foi erigida formalmente pela Congregação dos Seminários e dos Institutos de Estudos, pela autoridade conferida pelo Romano Pontífice, com Decreto de 9 de janeiro de 1990, e está confiada à Prelazia da Santa Cruz e Opus Dei, seu Grão-Chanceler é o Prelado do Opus Dei, atualmente Javier Echevarría.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]