Rio Hari

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rio Hari
Rio Hari com o Minarete de Djam ao fundo
Comprimento 1.124 km
Nascente Koh-i-Baba, cordilheira Hindu Kush
Foz Oasis de Tejen, Deserto de Karakum
Área da bacia 70.620 km²
Afluentes
principais
Rio Djam
País(es)  Afeganistão
Turquemenistão
 Irã

O rio Hari (Persa: Rudkhaneh-ye Hari Rud às vezes Harirud - Rud significa "rio") é um rio de 1.124 km que flui das montanhas do Afeganistão central até o Turcomenistão, onde desaparece no Deserto de Karakum.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O rio Hari Rud nasce nas montanhas Koh-i-Baba, parte da cordilheira Hindu Kush, no Afeganistão central, e segue um curso relativamente reto sentido oeste. No oeste do Afeganistão o Hari passa pelo sul de Herat. O vale ao redor de Herat é famoso historicamente por sua fertilidade e cultivo intenso. O Hari encontra o rio Djam, seu afluente, no local onde se encontra o Minarete de Djam, o segundo mais alto dos antigos minaretes do mundo, com 65 metros de altura. Depois de Herat o rio faz uma curva para noroeste e depois para o norte, formando a parte norte da fronteira entre o Afeganistão e o Irã. Mais ao norte forma a parte sudeste da frontera entre o Irã e o Turcomenistão. O rio adentra o Turcomenistão, onde é conhecido por Tejen ou Tedzhen, e passa próximo a cidade de Tedzhen, antes de desaparecer no deserto de Karakum.

Em latin, o Hari era conhecido como Arius.

Rio Hari em Herat

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Rio Hari
Ícone de esboço Este artigo sobre hidrografia em geral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.