Russell Square (Metropolitano de Londres)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Russell Square
Russell Square station.jpg
Entrada da estação
Transportes Metropolitano de Londres
Linha Piccadilly line flag box.png Piccadilly line
Estação anterior Holborn
Estação posterior King's Cross St. Pancras
Zona tarifária Travelcard Zone 1
Plataformas 2
Passageiros/ano
Localização Bloomsbury, Camden
Inauguração 1906
Parte de uma série de artigos do
The Tube
Underground.svg

Visão geral

História

Infra-estrutura

Linhas

Estações

Carruagens

Cultura Popular

Mapa

Russell Square é uma estação do metrô de Londres, pertencente à Piccadilly line,1 situada à Bernard Street, no bairro de Bloomsbury. É uma estação de pequeno porte, porém muito utilizada, por estar na área central de Londres.

A estação foi inaugurada em 1906. Está localizada próximo ao Museu Britânico, ao câmpus principal da Universidade de Londres, ao Hospital Great Ormond Street e aos jardins Russell Square.

História[editar | editar código-fonte]

A estação Russell Square foi aberta em 15 de dezembro de 1906, e pertencia à linha Great Northern, Piccadilly & Brompton Railway. A estação foi desenhada e projetada pelo arquiteto inglês Leslie Green.

Atentados de 2005 em Londres[editar | editar código-fonte]

No dia 7 de julho de 2005, em um atentado ao metrô de Londres, uma explosão ocorreu num trem viajando entre a estação de King's Cross St. Pancras e a estação Russell Square, e resultou na morte de 26 pessoas. Essa foi a última bomba de uma série de ataques nos túneis do Metropolitano de Londres. Mais tarde, outra bomba explodiria num ônibus.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Jardim Russell Square, próximo à estação de nome similar.
Ambulâncias na estação Russell Square, após os atentados de julho de 2005.

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre Metropolitano de Londres é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.