Skagerrak

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Localização do Skagerrak

O Skagerrak (Skagerack, Skagerak, por vezes em português escrito Escagerraque) é um estreito entre o sul da Noruega, o Bohuslän sueco e o noroeste da Jutlândia dinamarquesa. Une o Kattegat e o mar do Norte.

Com uma superfície de aproximadamente 32 000 km², forma um retângulo de 240 km de comprimento por 130–145 km de largura, delimitado

  • a oeste pela linha Lindesnes (Noruega) — Hanstholm (Dinamarca) e
  • a lesta pela linha Pater-Nosterskären (Suécia) — Grenen (cabo setentrional da Dinamarca).

A sua profundidade máxima é de cerca de 700 metros perto das costas norueguesas, sendo que sua profundidade média é de 210 metros (23 metros no Kattegat).

Seu nome deriva do nome da cidade de Skagen, a mais setentrional da Dinamarca.

O estreito tem um tráfego intenso, pois constitui a única passagem (com o canal de Kiel) ligando o mar do Norte ao mar Báltico.

Em ambas as guerras mundiais, o Skagerrak foi estrategicamente muito importante para a Alemanha. Uma das maiores batalhas marítimas da Primeira Guerra Mundial, a Batalha da Jutlândia, também conhecida como a Batalha do Skagerrak, aconteceu aqui de 31 de maio a 1 de junho de 1916. A importância do controle dessa passagem, o único acesso ao Báltico, foram motivos para as invasões da Dinamarca e da Noruega pela Alemanha Nazi durante a Segunda Guerra Mundial.