Sulfeto de potássio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sulfeto de potássio
Alerta sobre risco à saúde
Potassium-sulfide-unit-cell-3D-ionic.png
Nome IUPAC Potassium sulfide
Outros nomes Dipotassium monosulfide,
Dipotassium sulfide,
Potassium monosulfide
Identificadores
Número CAS 1312-73-8
Número RTECS TT6000000
Propriedades
Fórmula molecular K2S
Massa molar 110.262 g/mol
Aparência puro: incolor
impuro: amarelo-castanho
Densidade 1.8 g/cm3
Ponto de fusão

840 °C

Ponto de ebulição

decompõe-se

Solubilidade em água converte-se a KSH, KOH
Solubilidade em outros solventes solúvel em etanol e glicerol
Estrutura
Estrutura cristalina antifluorita
Riscos associados
Principais riscos
associados
tóxico
Frases R 31-34
Frases S 26-45
Compostos relacionados
Compostos relacionados Na2S
Li2S
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Sulfeto de potássio é o composto inorgânico de fórmula química K2S. Este sólido incolor quando puro é raramente encontrado, porque reage rapidamente com água, produzindo bissulfeto (KSH) e hidróxido de potássio (KOH).

Estrutura[editar | editar código-fonte]

O K2S adota a "estrutura antifluorita", o que significa que os pequenos íons K+ ocupam os sítios tetraédricos fluoreto (F) na fluorita CaF2, e o íon maior de sulfeto (S2−) ocupa os sítios para Ca2+, octa-coordenados. O Li2S, o Na2S, e o Rb2S cristalizam-se similarmene.[1]

Síntese e reações[editar | editar código-fonte]

Pode ser produzido por aquecimento de K2SO4 com carbono (coque):

K2SO4 + 4 C → K2S + 4 CO

Em laboratório, uma variedade de métodos existem.[2] K2S forma-se da reação entre enxofre e potássio. No laboratório, esta síntese é usualmente conduzida pela combinação de uma solução de potássio em amônia anidra com o enxofre elementar.

Outro método de obter-se K2S em laboratório envolve a reação de permanganato de potássio e enxofre elementar:

2 KMnO4 + S → K2S + 2 MnO2 + 2 O2

Sulfeto é altamente básico, consequentemente K2S hidrolisa completa e irreversivelmente em água de acordo com a seguinte equação:

K2S + H2O → KOH + KSH

Para muitos propósitos, esta reação é inconsequente dado que a mistura de SH e OH comporta-se como uma fonte de S2−. Outros sulfetos de metais alcalinos comportam-se similarmente.[1]

Referências

  1. a b Holleman, A. F.; Wiberg, E. "Inorganic Chemistry" Academic Press: San Diego, 2001. ISBN 0-12-352651-5.
  2. Handbook of Preparative Inorganic Chemistry, 2nd Ed. Edited by G. Brauer, Academic Press, 1963, NY. Vol. 1. p. 200.