Tarento

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Taranto
Castelo Aragonês (Tarento)
Castelo Aragonês (Tarento)
País  Itália
Região Flag of Apulia.svg Apúlia
Província Taranto
Área
 - Total 209,64 km²
Altitude 898 m (2 946 pés)
População
 - Total 194,795 (31-08-2 008)
    • Densidade 898/km2 
Código Postal 74100
Código ISTAT 073027
Comunas limítrofes Carosino, Faggiano, Fragagnano, Grottaglie, Leporano, Lizzano, Massafra, Monteiasi, Montemesola, Monteparano, Pulsano, Roccaforzata, San Giorgio Ionico, San Marzano di San Giuseppe, Statte, Villa Castelli (BR)
Prefixo telefônico 099
Fiscal L049
Orago padroeiro São Cataldo
Sítio http://www.comune.taranto.it/

Tarento (em italiano Taranto) é uma comuna italiana, capital da província homônima, na região da Puglia.[1] [2] [3]

Com 194.795 habitantes (agosto de 2008), estende-se por uma área de 209.64 km², tendo uma densidade populacional de 898 hab/km². Faz fronteira com Carosino, Faggiano, Fragagnano, Grottaglie, Leporano, Lizzano, Massafra, Monteiasi, Montemesola, Monteparano, Pulsano, Roccaforzata, San Giorgio Ionico, San Marzano di San Giuseppe, Sava, Statte, Villa Castelli (BR).

Mitologia[editar | editar código-fonte]

Segundo Pausânias, a cidade foi fundada por Taras, filho de Posidão e uma ninfa local,[4] mas foi conquistada pelos lacedemônios, liderados por Phalanthus.[4]

Segundo outra versão, citada por Diodoro Sículo e Estrabão, a cidade foi fundada pelos partheniae de Esparta. Durante a Primeira Guerra Messênia, que durou vinte anos, os lacedemônios juraram não retornar a Esparta até que tivessem capturado a Messênia.[5] [6] Eles deixaram em Esparta apenas os jovens e os velhos, mas, no décimo ano da guerra, as mulheres lacedemônias reclamaram que eles estavam fazendo guerra contra os Messênios em termos desiguais, pois estes, em casa, estavam tendo filhos, enquanto que os espartanos, deixando suas esposas como viúvas, iriam deixar a pátria com falta de homens.[6] Os lacedemônios, para manter o seu juramento e satisfazer as mulheres, enviaram de volta os mais jovens e vigorosos, pois estes não tinham feito o juramento, com ordens de que todos os homens coabitassem com todas as mulheres, acreditando que com isso nasceriam mais filhos.[6] Os que nasceram neste período foram chamados de partheniae,[5] [6] [7] e os que não participaram da expedição foram tratados com escravos e chamados de hilotas.[7] No décimo-nono ano da guerra, a Messênia foi capturada, e os messênios fugiram para o Monte Itome.[6] Quando os lacedemônios voltaram, eles não honraram os partheniae com direitos de cidadãos,[7] [6] pois eles haviam nascido fora do casamento;[6] estes então se aliaram aos hilotas,[6] e combinaram atacar no festival de Jacinto,[7] mas alguns destes traíram seus planos.[7] [6] Phalanthus, o líder dos rebeldes, consultou um deus, que o mandou para Taras conquistar aquela terra.[7] Segundo outra versão, os lacedemônios os convenceram a fundar uma colônia,[6] e eles fundaram Taras[6] ou Tarento.[5]

História[editar | editar código-fonte]

Tarento foi uma das principais cidades da Magna Grécia, chamada pelos gregos de Taras. Teve seu apogeu no século IV a.C., sob o comando de Arquitas. Foi conquistada pelos romanos em 272 a.C. e a cidade foi por eles chamada de Tarentum. A partir de então, entrou em decadência.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Statistiche demografiche ISTAT (em italiano) Dato istat.
  2. Popolazione residente al 31 dicembre 2010 (em italiano) Dato istat.
  3. Istituto Nazionale di Statistica (em italiano) Statistiche I.Stat.
  4. a b Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 10.10.8
  5. a b c Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XV, 66.3
  6. a b c d e f g h i j k Éforo de Cime, citado por Estrabão, Geografia, Livro VI, Capítulo 3, 3
  7. a b c d e f Antíoco de Siracusa, citado por Estrabão, Geografia, Livro VI, Capítulo 3, 2

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Tarento
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Itália é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.