60 Segundos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo(a) a canção de Gusttavo Lima, veja 60 Segundos (canção).
Gone in Sixty Seconds
60 Segundos (PT/BR)
 Estados Unidos
2000 •  cor •  117 min 
Direção Dominic Sena
Produção Jerry Bruckheimer
Mike Stenson
Roteiro H.B. Halicki (filme original)
Scott Rosenberg
Elenco Nicolas Cage
Angelina Jolie
Giovanni Ribisi
Delroy Lindo
Will Patton
Christopher Eccleston
Chi McBride
Robert Duvall
Gênero filme de ação
filme de suspense
Música Ian Ball
Trevor Rabin
Cinematografia Paul Cameron
Companhia(s) produtora(s) Jerry Bruckheimer Films
Distribuição Touchstone Pictures
Lançamento Estados Unidos 9 de junho de 2000[1]
Brasil 4 de agosto de 2000[2]
Idioma língua inglesa
Página no IMDb (em inglês)

Gone in Sixty Seconds (br/pt: 60 Segundos[3][4]) é um filme de ação americano de 2000 dirigido por Dominic Sena e escrito por Scott Rosenberg. Foi produzido por Jerry Bruckheimer e é uma reimaginação do filme de mesmo nome de H. B. Halicki lançado em 1974. O filme foi filmado em Hamilton, Ontário, Canadá e em Los Angeles e Long Beach, Califórnia.[5]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Randall "Memphis" Raines (Nicolas Cage) um lendário ladrão de carros. Nenhuma fechadura ou alarme pode pará-lo e ele consegue roubar seu carro em apenas 60 segundos. Durante anos, Memphis iludiu a polícia local, aplicando todo tipo de golpe imaginável. Mas quando o cerco ficou muito intenso, ele decidiu por largar a vida de crimes e partir para uma vida completamente diferente. Mas agora, quando seu irmão caçula (Giovanni Ribisi) está tentando seguir seus passos no mundo do assalto a automóveis, Memphis volta a agir para tentar salvar a vida de seu irmão. Ao saber que ele tem que sair da aposentadoria para roubar 50 carros em uma noite para salvar a vida de seu irmão Kip, o ex-ladrão de carros Randall "Memphis" Raines pede a ajuda de alguns "impulsionar felizes" amigos para realizar uma façanha aparentemente impossível. De carro incontáveis ​​perseguições implacáveis ​​aos policiais, a excitação de alta octanagem constrói como Randall desvia em torno de mais do que alguns obstáculos para manter vivo Kip.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Gone in Sixty Seconds teve recepção geralmente desfavorável por parte da crítica especializada. Em base de 34 avaliações profissionais, alcançou uma pontuação de 35% no Metacritic. Por votos dos usuários do site, atinge uma nota de 6.7, usada para avaliar a recepção do público.[6]

Referências

  1. «FILM REVIEW; Faithful Homage (Crash! Kapow!)». The New York Times. 9 de junho de 2000. Consultado em 10 de março de 2018 
  2. «"60 Segundos" volta aos cinemas sem novidades, mas empolga com carrões». Folha Ilustrada. 3 de agosto de 2000. Consultado em 10 de março de 2018 
  3. «Filmografia de Angelina Jolie (títulos em Portugal)». Cinema PtGate. Consultado em 22 de Junho de 2012 
  4. «60 Segundos (Gone in 60 Seconds, 2000)». cineplayers.com. Consultado em 6 de novembro de 2011 
  5. «Internet Movie Database — List of Films shot in Hamilton, Ontario». Internet Movie Database. Consultado em 6 de novembro de 2011 
  6. «Gone in Sixty Seconds» (em inglês). Metacritic. Consultado em 27 de julho de 2014 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.