Aglomerado da Serra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Aglomerado da Serra

Serra

—  Bairro do Brasil  —
Distritos
População
 - Total 46,000
 - Expectativa de vida ao nascer (anos) 74 anos
Alfabetização 55
Energia elétrica (%) 95%
Água encanada (%) 93%
Coleta de lixo (%) 60%
Fonte: Não disponível

O Aglomerado da Serra é a maior favela de Minas Gerais, localizada em Belo Horizonte, mais precisamente na Zona Sul da capital. É classificada como a 2º maior favela do Brasil[carece de fontes?] (atrás apenas da Rocinha, bairro da Zona Sul do Rio de Janeiro, a maior favela do Brasil) e se divide em oito vilas: Nossa Senhora da Conceição . Nossa Senhora de Fátima, Nossa Senhora Aparecida, Santana do Cafezal, Novo São Lucas, Fazendinha, Chácara, e Marçola. É a maior favela de Minas com 46 mil habitantes[1].

Embora os dados do BNDES dêem conta de 46 mil habitantes, é possível encontrar diferentes apontamentos. O site da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), por exemplo, contém páginas que relatam a população de 34 mil e outras que citam 50 mil moradores.

O Aglomerado da Serra possui economia diversificada e em evolução contínua. Uma das áreas mais movimentadas, o cruzamento entre as ruas Bandonion, Nossa Senhora de Fátima, Serenata e São Sebastião, reúne lojas de roupas femininas, padaria, sorveterias, supermercado, mercearias, sacolão, drogarias, salões de beleza, mecânica de motos, consultórios odontológicos, entre outras formas de comércio e prestação de serviço. O local, conhecido como "Volta", tem movimentação intensa de pessoas, carros, motos, ônibus e caminhões.

Comunicação[editar | editar código-fonte]

O complexo possui dois veículos de comunicação de destaque. A pioneira Rádio Favela[2], em atividade desde 1981[3], com imediata identificação com o morro. Hoje chamada de Autêntica - Favela FM, a emissora possui programação diversificada e fica no ar 24h. Sua frequência no dial é 106.7 FM.

Outro veículo de comunicação é o portal de notícias Observatório da Serra (www.observatoriodaserra.com.br). O site é um produto editorial da Vilarejo Comunicação nos moldes do jornalismo hiperlocal. Ou seja, sua área de atuação restringe-se a uma área específica, delimitada. Neste caso, o Aglomerado da Serra. Aguerrido à prestação de serviço público, o portal divulga notícias de interesse da população local e faz desta seu foco.

Com reportagens especiais, o Observatório da Serra[4] expõe aos moradores e ao mundo a face boa, alegre, empreendedora, tenaz, honesta e surpreendente do Aglomerado da Serra. São perfis de moradores, coberturas de eventos locais, divulgação de vagas de emprego e cursos gratuitos profissionalizantes e de aprimoramento profissional, cobertura de esportes, eventos religiosos e toda sorte de notícias positivas dentro do complexo ou de interesse de seus habitantes.

Principais aparelhos sociais do Aglomerado da Serra:

  • Projeto Providência[5] (Vila Fazendinha, Campo do Najá);
  • Conselho de Pais Criança Feliz[6] - Child Fund Brazil (Vila Cafezal);
  • Projeto Itamar (Vila Cafezal);
  • Centro Cultural Vila Marçola - PBH (Vila Marçola)
  • Centro Cultural Vila Fátima[7] - PBH (embora com nome de Vila Fátima, o Centro Cultural fica na Vila Fazendinha);
  • Jovens Com Uma Missão[8] - Jocum (Vila Novo São Lucas, Favelinha);
  • CRAS Vila Marçola;
  • CRAS Vila Fátima;
  • Espaço Criança Esperança Belo Horizonte - Rede Globo/Unesco.
  • Lá da Favelinha (Kdu dos Anjos)

Principais vias do Aglomerado da Serra:

  • Avenida Cardoso (no Google aparece erroneamente como Rua Sol Nascente);
  • Rua Serenata;
  • Rua Doutor Camilo;
  • Rua Bandonion;
  • Rua Nossa Senhora de Fátima (mais extensa, liga a entrada do Aglomerado, na divisa com o Bairro Serra, à Fundação Benjamin Guimarães - Hospital da Baleia);
  • Rua Regência;
  • Rua Flor de Maio;
  • Rua Santa Rita;
  • Rua Sacramento.
  • Beco dos Cabritos.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Sítio ofical do BNDES
  2. «Site Rádio Favela». Consultado em 14 de abril de 2014 
  3. «Rádio Favela - Wikipédia». 14 de abril de 2015. Consultado em 14 de abril de 2015 
  4. Vilarejo Comunicação. [www.observatoriodaserra.com.br «Portal de Notícias Observatório da Serra»] Verifique valor |URL= (ajuda). Consultado em 14 de abril de 2015 
  5. «Site Projeto Providência». Consultado em 14 de abril de 2015 
  6. «Site Child Fund». Consultado em 14 de abril de 2015 
  7. «Fanpage CCVF - Facebook». Consultado em 14 de abril de 2015 
  8. «Site Jocum». Consultado em 14 de abril de 2015 


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.