Al-Ahed Sport Club

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Al-Ahed
Al Ahed FC logo (2022).svg
Nome Al-Ahed Football Club
Alcunhas القلعة الصفراء‎ (O Castelo Amarelo)[1]
Fundação 1964 (58 anos), como Al-Ahed Al-Jadeed
1985 (37 anos), como Nejmeh Al-Ahed Al-Jadeed
Estádio Al-Ahed Stadium
Capacidade 2 000
Localização Beirute, Líbano
Presidente Tamim Sleiman
Treinador(a) Bassem Marmar[2]
Competição Primeira Liga do Líbano
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo

O Al-Ahed Sport Club (em árabe: نادي العهد الرياضي; trad. lit. "Clube Esportivo da Aliança") é um clube de futebol com sede em Beirute, Líbano, que compete na Primeira Liga do Líbano. O clube foi fundado em 1964 como Al-Ahed Al-Jadeed, iniciando na Terceira Divisão, antes de chegar pela primeira vez na Primeira Liga do Líbano em 1996.

Apelidado de "O Castelo Amarelo" (árabe: القلعة الصفراء‎), o Al-Ahed conquistou um título da Copa da AFC, sete títulos da Primeira Liga, seis títulos da Copa, oito títulos da Super Copa, cinco títulos da Copa Elite e um título da Copa da Federação. Eles conquistaram seu primeiro título da Liga em 2008. Num período entre 2008 e 2010, eles conseguiram o feito de manter uma invencibilidade de 44 jogos. Em 2011, o Al-Ahed conseguiu o feito de ser a primeira equipe a alcançar a tríplice e a quádrupla coroa nacional após conquistar a Liga, a Copa, a Super Copa e a Copa Elite na mesma temporada. Em 2019, o Al-Ahed tornou-se a primeira equipe do Líbano a conquistar a Copa da AFC, ao derrotar o clube norte-coreano April 25 na final.

O clube tem a maior parte do seu apoio concentrado na comunidade xiita do Líbano. Também possui laços com o grupo Hezbollah, e rivalidades com as equipes conterrâneas Nejmeh e Al-Ansar. O seu grupo de ultras, formado em 2018, é chamado de "Inferno Amarelo".

História[editar | editar código-fonte]

Início (1964-1989)[editar | editar código-fonte]

O Al-Ahed foi fundado em 1964 como Al-Ahed Al-Jadeed (árabe: العهد الجديد) em Dahieh, um subúrbio ao sul de Beirute. Sob a presidência de Mahieddine Anouti, o clube disputou a Terceira Divisão nacional.[3][4] Durante os anos 70, o clube jogou em Msaytbeth, uma área de Beirute, sob o nome Al-Huda Islamic Club (árabe: نادي الهدى الإسلامي‎). No entando, o clube teve que parar suas atividades por causa da Guerra do Líbano de 1982.[4][5]

Em 1984, Anouti, um ex-membro do Comitê de Árbitros e Curadores para assuntos do clube, obteve uma licença para o clube sob o nome de Nejmeh Al-Ahed Al-Jadeed (árabe: نادي نجمة العهد الجديد‎), mas só teve sua adesão à Federação Libanesa de Futebol aceita um ano depois, em 2 de maio de 1985; Mohamad Assi foi o escolhido pela administração do clube para ocupar a presidência.[4][5] Na temporada de 1988-89, então disputando a segunda divisão, o clube se classificou para a partida de playoff contra o Al-Majdi. No entanto, a partida terminou em 1-1 e o clube acabou por não conseguir o acesso à Primeira Liga do Líbano.[5]

Primeira Liga do Líbano (1992-2005)[editar | editar código-fonte]

Em 1992, Abdo Saad chegou à presidência e mudou o nome do clube para Al-Ahed (árabe: العهد) já que os dirigentes do clube desejavam que o clube escolhesse um nome ligado ao Alcorão.[4] Em 1996, Saad renunciou, ainda que o clube tivesse alcançado os play-offs de acesso da Segunda Divisão, e Amin Sherri foi escolhido para substituí-lo no cargo.[4] Em 20 de dezembro de 1996, o Al-Ahed conseguiu subir à Primeira Liga do Líbano pela primeira vez em sua história. Após duas temporadas na Primeira Liga nacional, foi rebaixado à segunda divisão, mas conseguiu voltar à primeira divisão já na temporada seguinte.[4][5]

Após a segunda subida do clube à Primeira Liga, Sherri renunciou à presidência do clube e foi substituído por Osama Al-Halabawi.[4] Sob Al-Halabawi, o Al-Ahed alcançou a final da Copa do Líbano de 2001-02, a final da Copa Elite do Líbano de 2002 e o terceiro lugar na temporada 2002-03.[4] Entre 2004 e 2005, o Al-Ahed conquistou duas Copas do Líbano, uma Copa da Federação e uma Super Copa.[4][5][6]

Sucesso doméstico e continental (2007-presente)[editar | editar código-fonte]

O onze inicial da equipe na final da Copa da AFC de 2019[7]

O clube conquistou seu primeiro título na temporada 2007-2008;[8] após isso, conseguiu o feito de manter uma invencibilidade de 44 partidas na Primeira Liga libanesa, começando em 26 de outubro de 2008 e terminando dois anos depois, em 6 de novembro de 2010.[9] Na temporada 2010-11, o Al-Ahed conquistou a Liga, a Copa, a Super Copa e a Copa Elite, se tornando o primeiro clube do Líbano a conquistar a tríplice e a quádrupla coroa.[10] Em 25 de junho de 2014, Tamim Sleimen foi escolhido para a presidência por decisão unânime da administração do clube, substituindo Osama Al-Halabawi, que havia renunciado por motivos pessoais.[11] Em seu primeiro ano de mandato, Ahed conquistou a Primeira Liga de 2014-15, a quarta em sua história.[12]

O clube então veio a conquistar três títulos consecutivos da liga, em 2016-17, 2017-18 e 2018-19, um feito que somente o Al-Ansar havia alcançado.[13] O Al-Ahed derrotou o Al-Jazeera da Jordânia na Copa AFC de 2019 e alcançou a final da competição pela primeira vez. Eles se tornaram a terceira equipe do Líbano a chegar à final da Copa AFC; as duas primeiras foram Nejmeh, em 2005, e Safa, em 2008.[14] Nessa final, no dia 4 de novembro e 2019, o Al-Ahed derrotou o clube norte-coreano April 25 por 1 a 0 graças a um cabeceio de Issah Yakubu, tornando-se a primeira equipe libanesa a vencer a competição. A equipe conquistou o torneio sem perder uma única partida; concedeu apenas três gols nos 11 jogos que disputou, e destes 11 jogos, não tomou nenhum gol nos cinco jogos das fases finais (quartas de final ida e volta, semifinais ida e volta e final).[15] A equipe conquistou o Prêmio de Fair Play da competição, e o goleiro titular da equipe, Mehdi Khalil, conquistou o prêmio de Melhor Jogador.[15]

Estádio[editar | editar código-fonte]

O Al-Ahed é proprietário do Estádio Al-Ahed em Beirute. Localizado perto do Aeroporto Internacional de Beirute, o terreno possui capacidade para 2000 pessoas.[16] O clube usa seu estádio somente para treinos. Para os jogos em casa, o Al-Ahed usa vários outros estádios no Líbano, como o Estádio Olímpico da Cidade Esportiva Camille Chamoun[17][18] e o Estádio Internacional de Sídon, já que estes possuem uma capacidade maior.[19]

Em 2018, em um discurso, o então primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, acusou o Hezbollah de usar o estádio do Al-Ahed como depósito de mísseis.[3] Ambos o secretário-geral da Federação Libanesa de Futebol[20] e o Ministro das Relações Exteriores do Líbano negaram as acusações.[21][22]

Torcida[editar | editar código-fonte]

O secretário geral do Al-Ahed (esquerda) e o presidente do Sepahan (direita) em 2009

A maior parte da torcida do Al-Ahed se concentra na comunidade xiita do Líbano.[23] O clube possui laços estreitos com o grupo Hezbollah, com quem compartilha a mesma cor, o amarelo.[3][24][25] Desde 2018, o clube possui um grupo de ultras chamado Inferno Amarelo.[26]

Em 28 de janeiro de 2009, o Al-Ahed e o clube iraniano Sepahan assinaram um acordo informal de parceria.[27] Em 8 de março de 2021, este acordo tornou-se oficial, envolvendo sessões conjuntas de treino e amistosos entre as duas equipes.[28]

Rivalidades[editar | editar código-fonte]

Partida entre o Al-Ahed (esquerda) e Al-Ansar (direita) pela Primeira Liga do Líbano de 2020-21

O Al-Ahed e o Al-Ansar são fortes rivais; o Al-Ansar, também sediado em Beirute, possui ligações com a família Hariri, proeminente na política nacional e oposição ao Hezbollah, grupo apoiado pelo Al-Ahed.[3][24][29] Nos últimos anos, o Nejmeh, outra equipe sediada na capital do Líbano, também desenvolveu uma forte rivalidade com o Al-Ahed.[3] O Nejmeh é a equipe mais popular do país, e tensões entre as duas equipes têm forçado a federação a mudar o local da partida várias vezes.[3]

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Soccerball current event.svg Última atualização: 13 de junho de 2021[30]

Elenco atual do Al-Ahed Sport Club
N.º Pos. Nome N.º Pos. Nome N.º Pos. Nome
1 G Líbano Mehdi Khalil 13 LE Líbano Mohammad Al-Hayek 30 A Líbano Tarek El Ali
3 A Síria Amro Jenyat 15 V Líbano Haytham Faour Capitão 70 A Líbano Ali Al-Haj
4 Z Líbano Nour Mansour 18 V Líbano Hasan Srour 77 A Turquemenistão Selim Nurmuradov
5 Z Líbano Khalil Khamis 21 G Líbano Mostafa Matar 98 G Líbano Hadi Khalil
6 LD Líbano Hussein Zein 22 A Síria Mohammed Al-Wakid 99 A Líbano Fuad Eid
7 M Líbano Hussein Monzer 23 LD Líbano Ali Hadid
8 LD Líbano Hussein Dakik 24 M Líbano Hussein Awada
10 M Líbano Mohamad Haidar 25 Z Síria Ezzedin Al-Awad
11 A Líbano Mohammad Al-Massri 27 A Líbano Hussein Haidar

Técnico: Líbano Bassem Marmar

Títulos[editar | editar código-fonte]

Domésticos[editar | editar código-fonte]

  • Líbano Copa do Líbano
    • Campeão (6): 2003-04, 2004-05, 2008-09, 2010-11, 2017-18 e 2018-19
    • Vice-campeão (3): 2001-02, 2006-07 e 2015-16
  • Líbano Copa Elite do Líbano
    • Campeão (5): 2008, 2010, 2011, 2013 e 2015
    • Vice-campeão (6): 2002, 2003, 2004, 2009, 2012 e 2017
  • Líbano Copa da Federação do Líbano
    • Campeão (1): 2004
  • Líbano Super Copa do Líbano
    • Campeão (8): 2005, 2008, 2010, 2011, 2015, 2017, 2018 e 2019
    • Vice-campeão (2): 2004 e 2009

Continental[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Al-Zwi, Ayman Mustafa (23 de julho de 2017). «البوابة نيوز: مجموعة الزمالك.. العهد اللبناني "القلعة الصفراء"» [O Zamalek Club... defrontará o "Castelo Amarelo" libanês]. Al-Bawabh News (em árabe). Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  2. «لبنان: باسم مرمر يعود إلى نادي "العهد"» [Líbano: Bassem Marmar retorna ao Al-Ahed]. Al-Ahed News (em árabe). 20 de janeiro de 2021. Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  3. a b c d e f Levy, Uri (4 de outubro de 2018). «Al Ahed: The Hezbollah Club». BabaGol. Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  4. a b c d e f g h i Gedeon, Abdo. «Mohammad Assi». abdogedeon.com (em árabe). Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  5. a b c d e «العهد - Ahed». Kooora (em árabe). Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  6. Stokkermans, Karel (5 de novembro de 2020). «Lebanon - List of Cup Winners». RSSSF (em inglês). Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  7. «4.25 - Al Ahed». AFC (em inglês). 4 de novembro de 2019. Consultado em 7 de junho de 2021. Cópia arquivada em 7 de junho de 2021 
  8. Fujioka, Atsushi (29 de abril de 2021). «Lebanon - List of Champions». RSSSF (em inglês). Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  9. Stokkermans, Karel (16 de dezembro de 2010). «Al-Ahed's series of 44 matches unbeaten in the Lebanese League». RSSSF. Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  10. Schöggl, Hans (18 de outubro de 2012). «Lebanon 2010/11». RSSSF (em inglês). Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  11. «تميم سليمان رئيساً لنادي العهد الرياضي» [Tamim Sleimen será o presidente do Al-Ahed Sports Club]. Al-Ahed News (em árabe). 25 de junho de 2014. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  12. «العهد يحتفل بالدوري اللبناني بعد تعادله مع الأنصار» [Al-Ahed conquista a Liga do Líbano após empate com o Al-Ansar]. Kooora (em árabe). 7 de maio de 2015. Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  13. Zainuddin, Hassan (7 de abril de 2019). «نادي العهد... قصة طموح ومثابرة نحو المجد» [Al-Ahed Club... uma história de ambição e perseverança rumo à glória]. Al-Mayadeen. Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  14. «العهد الى نهائي كأس الإتحاد الآسيوي لأول مرة في تاريخه» [Al-Ahed à final da Copa AFC pela primeira vez em sua história]. Football Lebanon (em árabe). 1 de outubro de 2009. Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  15. a b «Al Ahed's Khalil named MVP». Asian Football Confederation (em inglês). 4 de novembro de 2019. Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  16. «Al Ahed Stadium». Europlan Online (em alemão). Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  17. «العهد يُسقط الصفاء 3-1» [O Al-Ahed derrota o Al-Safa por 3 a 1]. Al-Ahed News (em árabe). 25 de novembro de 2017. Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  18. «'العهد' استكمل تحضيراته للقاء المحرق البحريني الأربعاء المقبل» [O Al-Ahed concluiu os preparativos para o jogo ante o Muharraq, do Barém, na próxima quarta-feira]. Al-Ahed News (em árabe). 11 de setembro de 2016. Consultado em 28 de maio de 2021. Cópia arquivada em 28 de maio de 2021 
  19. «Lebanese League 2018/2019». GoalZZ (em inglês). Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  20. «الاتحاد اللبناني لكرة القدم ينفي مزاعم نتنياهو عن وجود موقع صواريخ تحت ملعب نادي العهد» [A Federação Libanesa de Futebol nega a alegação de Netanyahu de que há misseis sob o estádio do Clube Al-Ahed]. Al-Ahed News (em árabe). 28 de setembro de 2018. Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  21. «زاسبيكين من ملعب "العهد": ما تدعيه إسرائيل غير صحيح ويجب أن نكون حذرين» [Zasypkin sobre o caso do "Al-Ahed": o que Israel afirma não é verdade e devemos ter cuidado]. El-Nashra (em árabe). 1 de outubro de 2018. Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  22. «باسيل يجول في ملعب العهد ويدحض مزاعم إسرائيل» [Bassil visitou o terreno do Al-Ahed e refutou as alegações de Israel]. Elsport (em árabe). 1 de outubro de 2018. Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  23. Alami, Mona (1 de setembro de 2009). «Religious about football» [Eles são religiosos sobre o futebol]. NOW Lebanon. Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 19 de abril de 2011 
  24. a b Montague, James (24 de outubro de 2007). «In Lebanon, even soccer is tainted by sectarian strife» [No Líbano, até mesmo o futebol é manchado pelas lutas sectárias]. New York Times (em inglês). Beirute. Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 13 de junho de 2021 
  25. Levy, Uri (3 de outubro de 2016). «Derbies and defining history: Middle East football this week». Al-Araby (em inglês). Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  26. Zain Al-Uddin, Ali (7 de dezembro de 2018). «مباريات قويّة في الجولة العاشرة» [Partidas quentes na décima rodada]. Al-Akhbar (em árabe). Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  27. «Cerimônia de parceria dos times de futebol Sepahan e Al-Ahed do Líbano». Mehr News (em persa). 29 de janeiro de 2019. Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  28. Abou Diab, Rami (8 de março de 2021). «Ahed partners up with a foreign club». Federação Libanesa de Futebol (em inglês). Consultado em 29 de maio de 2021. Cópia arquivada em 29 de maio de 2021 
  29. «Lebanon's national teams fly above entrenched sectarianism among supporters». The National (em inglês). 8 de janeiro de 2019. Consultado em 13 de junho de 2021. Cópia arquivada em 13 de junho de 2021 
  30. «اللائحة الرسمية لفريق العهد في كأس الاتحاد الآسيوي» [A convocação oficial do Al-Ahed para a Copa da AFC]. Malaeeb (em árabe). 15 de maio de 2021. Consultado em 13 de junho de 2021. Cópia arquivada em 13 de junho de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]