Alexander Andreyevich Ivanov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alexander Andreyevich Ivanov
Nome nativo Алекса́ндр Андре́евич Ива́нов
Nascimento 16 de julho de 1806
São Petersburgo
Morte 3 de julho de 1858 (51 anos)
São Petersburgo
Sepultamento Cemitério de Novodevichy
Cidadania Império Russo
Alma mater Academia de Artes da Rússia
Ocupação pintor
Magnum opus Aparição de Jesus Cristo a Maria Madalena
Movimento estético Neoclassicismo

Alexander Andreyevich Ivanov (em russo: Алекса́ндр Андре́евич Ива́нов; São Petersburgo, 16 de julho de 1806 - São Petersburgo, 3 de julho de 1858) foi um pintor russo que aderiu à tradição do neoclassicismo já em declínio, mas encontrou pouca simpatia entre seus contemporâneos.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Natural de São Petersburgo, Ivanov estudou juntamente com Karl Briullov na Academia Imperial de Artes com o seu pai, Andrey A. Ivanov. Ele passou a maior parte de sua vida em Roma, onde fez amizade com Gogol e sucumbiu à influência dos Nazarenos. Ele era chamado "o mestre de um trabalho", pois ele levou 20 anos para completar sua obra magna, A Aparição de Cristo diante do Povo (1837-57),[1] atualmente na Galeria Tretyakov de Moscou.

O julgamento crítico sobre Ivanov melhoraria na geração seguinte. Alguns dos numerosos esboços que ele tinha preparado para A Aparição foram reconhecidos como obras de arte por direito próprio. A coleção mais abrangente de suas obras pode ser vista no Museu Russo em São Petersburgo.

Referências

  1. Sibbald, Barbara (5 de fevereiro de 2002). «If the soul is nourished...». Canadian Medical Association Journal: pp. 357–358 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]