Aliá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Abril de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Nota: Aliá pode ser denominado a fêmea do elefante, consulte Elefante

Aliá ou Aliyah (translit. do hebraico עליה ou עלייה : ascensão) é o termo que designa a imigração judaica para a Terra de Israel ( em hebraico, Eretz Israel) - que, até 1948, correspondia ao território do Mandato Britânico da Palestina - e, a partir de 1948, para o Estado de Israel.

A emigração judaica é chamada em yerida (em hebraico, יריד,: descida). Os imigrantes judeus são chamados olim e os emigrantes são os yordim.

Aliá é um importante conceito no Judaísmo, fundamental para o Sionismo e foi consagrado na Lei do retorno.

Aliá, no sentido da imigração para Israel, ocorre permanentemente mas também em ondas. As primeiras duas ondas de imigração aconteceram entre 1882 e 1914; as três seguintes, entre 1919 e 1939. A sexta aliá, entre 1945 e 1948, trouxe muitos sobreviventes do Holocausto. As ondas posteriores de imigração incluíram os Falasha da Etiópia, os emigrados da antiga União Soviética e outros.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre história israelense e judaica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.