Augustus Welby Pugin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Augustus Welby Pugin
Nascimento 1 de março de 1812
Bloomsbury
Morte 14 de setembro de 1852 (40 anos)
Ramsgate
Cidadania Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda
Progenitores
  • Auguste Charles Pugin
  • Catherine Welby
Cônjuge Sarah Ann Garnett, Louisa Button, Jane Knill
Filho(s) Cuthbert Welby Pugin, Edward Welby Pugin, Agnes Pugin, Catherine Pugin, Mary Pugin, Margaret Pugin, Peter Paul Pugin
Alma mater
  • Christ's Hospital
Ocupação arquiteto, historiador de arte
Obras destacadas Palácio de Westminster

Augustus Welby Pugin (Bloomsbury, Londres, 1 de Março de 1812Ramsgate, 14 de Setembro de 1852) foi um arquiteto da Inglaterra, Estabeleceu um conceito modernista, apesar de não realizá-lo em suas obras. Era o arquiteto da Rainha, que preferia o estilo neo-gótico. Autor do Parlamento Inglês. Welby Pugin cujo pai nobre e também era arquiteto era francês Católico convertido ao anglicanismo, Mãe protestante calvinista, sendo pais liberais deixou o filho escolher seus rumos de crenças, quando foi estudar em Oxford arquetetura, foi a Franca e conhecendo arquitetura Gótica, se converteu Católico. Alem do Parlamento Ingle, Sala dos Lords completa inclusive a mobília e fez inúmeras construções como Catedrais, Abadias etc...

"Não deve haver aspectos de um prédio que não sejam necessários em termos e eficiência, construção e propriedade...o menor detalhe deve...servir a um propósito, e a própria construção deve variar de acordo com o material empregado."

Uma de suas frases diz que "está correto decorar a construção, mas jamais construa a decoração.”

Prefigurados pelas obras puritanas e apocalípticas de Milton e Blake, o filósofo escocês Thomas Carlyle e o arquiteto inglês A.W.N. Pugin expuseram, cada um a seu modo, o descontentamento espiritual e cultural da segunda metade do século XIX. O primeiro era ateue alinhou-se conscientemente ao movimento cartista do fim da década de 1830; o segundo era católico convertido que pregava o retorno direto aos valores espirituais e às formas arquitetônicas da Idade Média.