Aurora do Tocantins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Município de Aurora do Tocantins
Rio Azuis em Aurora do Tocantins, considerado como o menor rio do Brasil e o terceiro menor rio do mundo.[1]

Rio Azuis em Aurora do Tocantins, considerado como o menor rio do Brasil e o terceiro menor rio do mundo.[1]
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Fundação 29 de outubro de 1963
Gentílico aurorense
Prefeito(a) Aloilson Tavares Cardoso (PTB)
Localização
Localização de Aurora do Tocantins
Localização de Aurora do Tocantins no Tocantins
Aurora do Tocantins está localizado em: Brasil
Aurora do Tocantins
Localização de Aurora do Tocantins no Brasil
12° 42' 46" S 46° 24' 28" O12° 42' 46" S 46° 24' 28" O
Unidade federativa Tocantins
Mesorregião Oriental do Tocantins IBGE/2008[2]
Microrregião Dianópolis IBGE/2008[2]
Municípios limítrofes Taguatinga (N), Arraias (O), São Desidério (BA) e Luís Eduardo Magalhães (BA) (L) e Lavandeira (S)
Distância até a capital 496 km
Características geográficas
Área 752,826 km² [3]
População 3 709 hab. IBGE/2016[4]
Densidade 4,93 hab./km²
Altitude 468 m
Clima Semiarido Bsh
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,677 médio PNUD/2010[5]
PIB R$ 33 885 mil IBGE/2014[6]
PIB per capita R$ 9 273,39 IBGE/2014[6]

Aurora do Tocantins é um município brasileiro do estado do Tocantins. Localiza-se a uma latitude 12º42'47" sul e a uma longitude 46º24'28" oeste, estando a uma altitude de 468 metros. Sua população estimada em 2009 era de 3 523 habitantes. Possui uma área de 755,99 km².

História[editar | editar código-fonte]

Os pioneiros da região se fixaram na fazenda Barreira dos Cavalos, mais tarde denominada Sítio do Bonfim. Outros colonos foram se instalando às margens do ribeirão Cana Brava, no local denominado Boqueirão. Posteriormente o povoado ficou conhecido como “Saco de Nosso Senhor do Bonfim”, por ser circundado de elevações rochosas e em homenagem ao santo padroeiro da região.

Aurora recebeu esta denominação porque a localidade é circundada por cordilheiras, causando o aparecimento do sol mais tarde. Com o crescente desenvolvimento, o povoado foi elevado à categoria de distrito do município de Taguatinga. Em 29 de outubro de 1963, o distrito foi elevado à categoria de município, com o nome de Aurora do Norte, e depois Aurora do Tocantins.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Atrativos: rios Torres, Palmas, Serra Dourada e Azuis, um dos menores rios do mundo.

Rio Azuis: Dois olhos d´água que brotam num barranco e formam um lago com águas azuis-esverdeadas e que forma o menor rio do Brasil. Com apenas 147 metros, o rio Azuis deságua no Rio Sobrado.

Padroeiro: Nosso Senhor do Bonfim (29 de setembro).

Economia: agropecuária e turismo.

Referências

  1. Exame.com – Família transforma pequeno negócio no sertão do Tocantins
  2. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  3. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do Tocantins é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.