Benedito Dias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Benedito Dias de Carvalho (Chaves, 1 de dezembro de 1957) é um médico e político brasileiro.

Filho do agricultor Elpídio Magalhães de Carvalho e da dona de casa Adair Dias de Carvalho, é o sétimo de uma família de nove filhos.

Em 1976 ingressou na Faculdade Estadual de Medicina do Pará (FEMP), pertencente à Fundação Educacional do Pará (FEP), hoje Universidade do Estado do Pará (UEPA), onde foi presidente do diretório acadêmico da Medicina, concluindo o curso em 1981.

Especialista em ginecologia e obstetrícia pela Escola Paulista de Medicina, iniciou as atividades médicas em Macapá, capital do então Território Federal do Amapá, em 1987.[1]

Foi eleito o deputado federal mais votado pelo estado do Amapá no ano de 1998, pelo Partido da Frente Liberal (PFL), hoje Democratas (DEM), tendo indicado seu irmão Pedro Paulo como candidato a vice-governador na chapa encabeçada por Waldez Góes no pleito de 2002. Em 2010, Pedro Paulo assumiria o governo do Amapá, após a renúncia do titular, que, na época, lançava-se candidato ao Senado Federal.

Posteriormente, Dr. Benedito assumiu a presidência do Partido Progressista (PP) no Amapá, legenda pela qual reelegeu-se deputado federal em 2002,[2] exercendo mandato até o ano de 2007, quando não obteve êxito nas eleições, retornando às suas atividades médicas naquele mesmo ano, na cidade de Macapá.[3]

Referências