Como Vai, Vai Bem?

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como vai, vai bem?
 Brasil
1968 •  p&b •  78 min 
Direção Alberto Salvá
Carlos Alberto Abreu
Carlos Alberto Camuyrano
Daniel Chutorlanscy
Valquíria Salvá
Paulo Veríssimo
Roteiro Grupo Câmara (organizado por Alberto Salvá)
Elenco Paulo José
Flavio Migliaccio
Género comédia
Idioma português

Como Vai, Vai Bem? é um filme de comédia brasileiro de 1968, composto de oito segmentos, roteirizados coletivamente pelo Grupo Câmara, organizado por Alberto Salvá que dirige três segmentos.[1] Estrelados por Paulo José (que também participa da produção e cuidou das diferentes caracterizações: ele aparece como torcedor de futebol,padre,travesti,voyer,delegado, padrasto com narigão) e Flávio Migliaccio (como torcedor de futebol, sacristão, cantor calouro, noivo, amigo do voyer, homossexual da boate e deficiente físico) acompanhados de atores e personalidades conhecidas, em participações especiais.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Paulo José
  • Flávio Migliaccio
  • Ana Maria Parente
  • Márcia Tânia
  • Cláudio MacDowell
  • Antônia Marzullo...avó da Santinha (em "A santinha do Encantado")
  • Dinorah Marzullo
  • Jurema Penna...Jurema, mãe da Santinha (em "A santinha do Encantado")
  • Maria Gladys...Teresa (em "O apartamento")
  • Isabel Ribeiro...Maria, amiga de Teresa (em "O apartamento")
  • Maria Balbino
  • Regina Costa...Santinha (em "A santinha do Encantado")
  • Ruth Stessens
  • Walter Soares
  • Wanda Critiskaya
  • Creusa de Carvalho...esposa (em "Dez anos de casado")
  • Eulina Rosa
  • Yolanda Cardoso...Dora, tia de Teresa (em "O apartamento", participação especial)
  • Hugo Carvana...Nelsom (em "O apartamento", participação especial)
  • Chacrinha...ele mesmo (em "O grande dia", participação especial)
  • Billy Davis...coreógrafo (participação especial em "Hey de Vencer")
  • Irma Alvarez...esposa (em "Hei de Vencer", participação especial)
  • Labanca...Senhor Costa, dono da boate (em "Hei de Vencer", participação especial)
  • Travestis: Denise, Luana, Marie Chantal, Dória, Rildo e Bethânia
  • Côro dos meninos: Pedrinho,Cabecinha,China,Renato,Assis
  • Crianças: Antonio Carlos, Regina Rosenblitz
  • Grupo Musical: Mugstones (interpretando "Mamãe passou açucar ni mim", de Carlos Imperial)
  • Maria Regina

Sinopses[editar | editar código-fonte]

1º segmento
Uma vez Flamengo
Direção:Valquíria Salvá
Dois torcedores fanáticos pelo Flamengo, irritados pelas derrotas do time vão se embriagar no bar e depois um convida o outro a espancar as respectivas esposas "chatas".
2º segmento
Mulher à Vista
Direção : Alberto Salvá
Dois amigos moram num apartamento e um deles fica obcecado em ver uma vizinha de avantajados seios, desnuda. Depois de acompanhar a rotina da mulher por vários meses, utilizando um binóculo e uma luneta, ele pede ao amigo que cause um tumulto no trânsito, daqueles que todos saem à janela, esperando que a vizinha apareça enfim do jeito que ele quer.
3º segmento
Dez anos de casado
Direção: Carlos Alberto Camuyrano
Um casal sofre uma crise quando o marido começa a dar demasiada atenção à sua mascote, uma galinha, deixando a esposa furiosa.
4º segmento
A Santinha do Encantado
Direção: Daniel Chutorianscy
Padrasto ganancioso começa a explorar a fé popular dizendo que a enteada tem visões religiosas. E fica furioso com a pouca renda do dia advinda da venda de santinhos e correntinhas.
5º segmento
O apartamento
Direção:Alberto Salvá
Tereza e Flávio são noivos e resolvem iniciar relações sexuais. Sem alternativas, Flávio acaba pedindo as chaves de um apartamento a um amigo, sem saber que o lugar é problemático.
6º segmento
Os Canarinhos de Nossa Senhora das Dores
Direção:Paulo Veríssimo
Padre e sacristão organista mantém um coral de meninos para coletarem fundos para as reformas da igreja, mas não conseguem uma boa arrecadação. Até que resolvem modernizar a atração.
7º segmento
Hei de Vencer
Direção: Alberto Salvá
Travesti causa boa impressão ao dono e coreógrafo de boate em que se apresenta. Mas não sabem que ele tem mulher e filho e se incomoda com o assédio.
8º segmento
O grande dia
Direção:Carlos Alberto Abreu
Zeca se torna a grande sensação da vila humilde em que mora no dia em que vai aparecer na televisão, como candidato a cantor no programa do Chacrinha.

Referências