Competição Internacional Tchaikovsky

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Competição Internacional Tchaikovsky é uma das mais prestigiadas competições de música clássica do mundo. Criada sob o nome do pianista russo Pyotr Ilyich Tchaikovsky, tem lugar uma vez em cada 4 anos desde 1958. Em 2002 concorreram 627 músicos oriundos de 54 países, dos quais 272 foram admitidos a concurso: 65 pianistas, 52 violinistas, 63 violoncelistas e 92 vocalistas.

Originalmente a competição era limitada a pianistas e violinistas. Os violoncelistas foram admitidos a partir da segunda competição em 1962 e os vocalistas a partir da terceira, em 1966.

A competição é organizada por um comité de proeminentes personalidades musicais russas e gerido pela Companhia de Concerto do Estado Russo (Sodruzhestvo). Juris internacionais de notáveis solistas, professores de música, directores musicais e prévios vencedores da competição são seleccionados para avaliar as prestações e escolher os premiados.

No mês de Junho têm lugar três eliminatórias da prova. Actualmente são atribuídos 26 prémios: 6 em cada categoria instrumental e 8 para os vocalistas, 4 para os masculinos e 4 para os femininos.

Nem sempre o primeiro prémio é atribuído, e por vezes ele é atribuído em exéquo. Isto também pode acontecer com outros prémios menores. Nos anos iniciais da prova, 8 prémios foram atribuídos.

Vencedores do prémio principal[editar | editar código-fonte]

Vencedores do prémio principal atribuído em cada uma das edições e categorias (primeiro prémio a menos quando referido em contrário)

Piano[editar | editar código-fonte]

Violino[editar | editar código-fonte]

Violoncelo[editar | editar código-fonte]

Vocal, homens[editar | editar código-fonte]

Vocal, senhoras[editar | editar código-fonte]


Ligações externas[editar | editar código-fonte]