Crazyhead

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Crazyhead
Informação geral
Formato Série
Gênero Comédia de terror
Duração 60 minutos
Criador(es) Howard Overman
País de origem Reino Unido
Produção
Diretor(es)
  • Al Mackay
  • Declan O'Dwyer
Produtor(es) Gareth Williams
Produtor(es) executivo(s)
  • Julian Murphy
  • Johnny Capps
  • Howard Overman
Distribuída por StudioCanal
Elenco
  • Cara Theobold
  • Susan Wokoma
  • Arinze Kene
  • Lewis Reeves
  • Riann Steele
  • Luke Allen-Gale
  • Charlie Archer
  • Tony Curran
Compositor da música tema Stuart Hancock
Empresa(s) de produção Urban Myth Films
Exibição
Emissora de televisão original E4, Netflix
Formato de exibição 16:9 1080i
Formato de áudio Estéreo
Transmissão original 19 out. de 2016 – 23 nov. de 2016
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 6

Crazyhead é uma série de comédia de terror[1] britânica premiada escrita por Howard Overman, criador de Misfits.[2] A série foi lançada em 19 de outubro no Reino Unido no canal E4 e internacionalmente lançada em 16 de dezembro de 2016 na Netflix.[3] Recebeu a co-produção da Netflix na cidade de Bristol,[4] na Inglaterra. Em 2017, a série foi premiada com RTS West of England em três categorias: Melhor Som, Melhor Design e Melhor Performance Televisiva de Susan Wokoma, atuando como Raquel.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Algumas pessoas simplesmente não nasceram para ter uma vida comum. Este é o caso de Amy (Cara Theobold), uma jovem de vinte e poucas anos, que nunca se imaginou enfrentando uma legião de demônios. Felizmente, ela não está sozinha. Junto com sua amiga Raquel (Susan Wokoma), a dupla encara esta arrepiante missão, sem abrir mão dos problemas típicos de suas idades.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Protagonistas[editar | editar código-fonte]

  • Cara Theobold como Amy,[2] uma infeliz trabalhadora de boliche
  • Susan Wokoma como Raquel Francis,[2] uma solidária e autodesenvolvida caçadora de demônios
  • Arinze Kene como Tyler,[2] irmão de Raquel
  • Lewis Reeves como Jake,[2] melhor amigo de Amy da escola e trabalho
  • Riann Steele como Suzanne,[2] fantasma e melhor amigo de Amy
  • Luke Allen-Gale como Sawyer,[2] demônio com poderes e pai de Raquel
  • Charlie Archer como Harry,[2] demônio que cuida de Raquel
  • Tony Curran como Callum,[2] demônio com poderes disfarçado como o psiquiatra de Raquel

Recorrentes[editar | editar código-fonte]

  • Lu Corfield como Mercy,[2] demônio e mãe solteira
  • Billy Seymour como Dylan, demônio e capanga de Callum

Episódios[editar | editar código-fonte]

Número Título Diretor Escritor Estreia Audiência no UK
(milhões)
1 "A Very Trippy House"
Al Mackay
Howard Overman
Reino Unido 19 de outubro de 2016 (2016-10-19) 0.26
2 "A Pine Fresh Scent"
Al Mackay
Howard Overman
Reino Unido 26 de outubro de 2016 (2016-10-26)
3 "Shave the Cat"
Al Mackay
Howard Overman
Reino Unido 2 de novembro de 2016 (2016-11-02) 0.28
4 "Penguin or Cow?"
Declan O'Dwyer
Howard Overman
Reino Unido 9 de novembro de 2016 (2016-11-09) 0.30
5 "Episódio 5"
Declan O'Dwyer
Howard Overman
Reino Unido 16 de novembro de 2016 (2016-11-16) 0.30
6 "Downward Facing Dog"
Declan O'Dwyer
Howard Overman
Reino Unido 23 de novembro de 2016 (2016-11-23) 0.27

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

A série recebeu críticas positivas. O jornal The Guardian descreveu a série como "desordenada, excelente, efervescente e engraçada". Além disso, elogiaram a dupla atuação de Cara Theobold como Susan Wokoma.[5] O jonal britânico The Daily Telegraph descreveu a série como "brilhante, enérgica e genuinamente engraçada."[6]

Referências

  1. «Crazyhead, new series from Misfits creator, to debut on E4 & Netflix». Channel 4 (Nota de imprensa). 9 de maio de 2016. Consultado em 26 de janeiro de 2017 
  2. a b c d e f g h i j Lesley Goldberg (9 de maio de 2016). «Netflix Nabs Exorcism Comedy 'Crazy Face' From 'Misfits' Creator». Hollwoood Reporter. Consultado em 24 de maio de 2016 
  3. Christopher Hooten (9 de maio de 2016). «Crazy Face: Misfits creator lands new E4 and Netflix drama about 'angst and exorcism'». Independent. Consultado em 24 de maio de 2017 
  4. «New E4 comedy horror CRAZYHEAD begins Weds 19th Oct». The Bottle Yard Studios. 18 de outubro de 2016. Consultado em 26 de janeiro de 2017 
  5. Mumford, Gwilym (18 de outubro de 2016). «Crazyhead: the teen demons taking over TV». The Guardian. Consultado em 26 de janeiro de 2017 
  6. Gee, Catherine (19 de outubro de 2016). «Crazyhead: bright, punchy and genuinely funny, review». The Daily Telegraph. Consultado em 26 de janeiro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]